Sobrevivente se emociona ao voltar na represa do Castelinho

  • Publicado em 18 de set de 2017

    me>

     

     

    Quase 60 horas após travada, a comporta da represa do Castelinho foi desobstruída. Na manhã desta segunda-feira, funcionários do clube conseguiram tirar as madeiras e o barro que estavam impedindo o funcionamento, e fizeram os reparos. Às 9h30, a barragem foi fechada e a represa, que estava completamente vazia, começou a encher.

    Como a água chega em pequeno volume, por conta da seca, a previsão é de que a represa esteja abastecida apenas no próximo sábado.
     
    Pela primeira vez após o desastre ambiental ocorrido no final da tarde de sexta-feira, o serviços-gerais Elias Carvalho de Pádua, que por pouco não foi levado pela águas, retornou à represa. Ele disse que manteve a calma e que não ficou com medo. Mas, ao relembrar o ocorrido, ele se emocionou e chorou ao constatar que escapou de uma tragédia.
     

    Imagens: Leon Produtora de Video

Comentários ( 0 )

Nenhum comentário!