Palavras

Por: Silvana Bombicino Damian

Silencia a palavra e ainda
A vida pulsará
Mas sem a palavra pulsando
Como a vida saberá

Que pulsa e quebra a noite
Com a intensidade e força
Que em nenhuma palavra caberá?

Ah, palavra, gruda em mim
Reinventa meu coração
Acomodado e quieto

Adjetiva-me o sujeito
Transmuta os advérbios
Conjugue toda infinitude...
Guardada em seu poder de mágica.
 

Envie seu texto
e faça parte do Nossas Letras