Desapego ao supérfluo

Por: Márcio Diniz

360303
A editora Boa Nova lança Os Magos, de J.W. Rochester, um romance que expõe as fraquezas dos seres humanos, em que os personagens passam por diversas provações durante uma jornada.
 
A obra faz parte de uma série de cinco volumes: O elixir da longa vida; Os magos; A ira divina; A morte do planeta; e por fim, Os legisladores.
 
A mensagem traz a importância das pessoas se desapegarem do que é supérfluo, de relações tóxicas, e começarem a trazer para si os sentimentos importantes e as ações necessárias na vida para conseguir alcançar a evolução. 
 
Os séculos vão passando, saturando aos poucos as nossas almas; nós perdemos a genuína alegria de viver; a dúvida torturante e o futuro infinito vão minando dolorosamente os nossos nervos. Assim, é bem justo que nos cerque e que torne menos penoso o nosso surpreendente destino esta beleza natural, da qual nunca nos fartamos.
 
Obra de gênero romance, mostra muitos sentimentos a serem curados, como ira, paixões doentias, luxo, orgulho, etc., ou seja, são expostas as mais comuns fraquezas do ser humano, com uma intensa interferência do espírito que se sobrepõe a estes sofrimentos. Neste sentido, a história mostra uma batalha íntima em que a espiritualidade e a magia auxiliam na evolução do homem.

Envie seu texto
e faça parte do Nossas Letras