CONTEÚDO PATROCINADO

11/02/2018 - Reportagem de Adriana Mendonça

Como água para chocolate

Li Como água para chocolate, de Laura Esquivel, quando era menina, e o livro foi inesquecível, em parte pelo título. Primeiro, a frase sem verbo que boia ancorada - um simplório “É” ou “Está” desanuviaria tudo. Depois a dúvida: seria a água, para o chocolate, como o vinagre é para o vinagrete, o parmesão para o espaguete, o louro para o feijão preto? Naquele tempo, eu adorava o chocolate Surpresa ao Leite, muito doce. Acho que nem cacau havia nele, mas era o que nós todos conhecíamos. Ao que parece, o título menciona duas coisas: o chocolate quente mexicano (nacionalidade da escritora) é feito com água. E a água que derrete o chocolate deve estar fervendo. O título é ótimo! Tanto alude à combinação perfeita dos ingredientes, quanto mede a temperatura dos sentimentos da protagonista. Hoje, entendo a receita e, com grande prazer, quando disponho de bom cacau em pó ou barra, mais de 50%, dispenso o leite e com paciência faço uma calda de cacau potente, pura e sem leite. 

Dúvidas, sugestões, reclamações?

Whatsapp GCN

16.99122-0761

0 COMENTÁRIO
COMENTE
A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal GCN e se comprometem a respeitar o

Código de Conduta On-line do GCN.

Li e concordo com o código de conduta online.