08/03/2018 - Reportagem de Agência Brasil

Dossiê mostra crescimento da violência contra mulheres lésbicas no Brasil

O preconceito ocorre em várias situações. Na foto, manifestação ocorrida em 2017 contra a homofobia no CCBB do Rio de Janeiro, após casal de lésbicas denunciar ter sido vítima de insulto e preconceito em visita ao local - Foto: Fernando Frazão/Agência Bra

O primeiro Dossiê sobre Lesbocídio no Brasil mostra crescimento da violência contra mulheres lésbicas. Lançado nessa quarta-feira (7), o documento indica que, no período entre 2000 e 2017, foram registrados 180 homicídios de lésbicas. No entanto, os anos mais recentes concentram a maior parte das mortes: somente entre 2014 e 2017, foram registrados 126 assassinatos de lésbicas no país.

Dúvidas, sugestões, reclamações?

Whatsapp GCN

16.99122-0761

0 COMENTÁRIO
COMENTE
A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal GCN e se comprometem a respeitar o

Código de Conduta On-line do GCN.

Li e concordo com o código de conduta online.