06 de maio de 2021

Franca

'CLUBE DO CARIMBO'

Gaeco deflagra operação contra grupo organizado para transmissão de HIV

Em Franca, um mandado foi cumprido e quatro celulares foram apreendidos. O grupo contaminava as pessoas omitindo que são portadores do vírus ou danificando os preservativos antes da relação sexual.

Franca 07/04/2021
Kaique Castro
da Redação
Reprodução
Operação foi realizada nesta quarta-feira, 7, em várias cidades de São Paulo e Rio de Janeiro
O Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado), do Ministério Público do Estado de São Paulo e do Rio de Janeiro, deflagrou na manhã desta quarta-feira, 7, a operação “Antivírus”, para desarticular um grupo organizado pelas redes sociais com o objetivo de transmitir intencionalmente o vírus HIV.

De acordo com o MP, nesta primeira etapa foram cumpridos 12 mandados de busca e apreensão em cidades de São Paulo e do Rio de Janeiro. Em Franca, um mandado foi cumprido e quatro celulares foram apreendidos.

A ação contou com dezenas de policiais militares do BAEP e promotores de Justiça do Gaeco das regiões de Bauru, São José do Rio Preto, Franca, Ribeirão Preto, Vale do Paraíba, ABC e capital, além de policiais militares e promotores de Justiça do Gaeco do Rio.

O processo está em sigilo, mas ainda de acordo com o MP, as buscas de hoje irão robustecer o acervo probatório e identificar outros integrantes dessa associação criminosa, autodenominada “Clube do Carimbo”. Os promotores chegaram até o grupo, após uma suposta vítima indicar a existência do grupo no WhatsApp.

Segundo apurou a reportagem, o grupo contaminava as pessoas omitindo que são portadores do vírus ou danificando os preservativos antes de cada relação sexual.

Além das cidades que foram visitadas pelos promotores na manhã de hoje, também há indícios de atuação do grupo em outros Estados, como Minas Gerais e Pernambuco, mas ninguém foi identificado até o momento.

Posteriormente, os suspeitos serão interrogados e os objetos apreendidos submetidos à extração e análise forense. O caso está sendo comandado pelo Gaeco de Santos, com o apoio do Cyber Gaeco.



COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal GCN e se comprometem a respeitar o Código de Conduta On-line do GCN.

Ainda não é assinante?

Clique aqui para fazer a assinatura e liberar os comentários no site.

  • Jose
    07/04/2021 1 Curtiu
    Acho que deveria ser inserida na matéria que a pessoa não se tratava da doença pois pessoas que se encontram indetectáveis não podem transmitir o virus do hiv
  • Daniel
    07/04/2021
    Isso é muito grave. Os órgaos investigativos responsaveis tem q dar mais detalhes sobre os fatos.
  • yu
    08/04/2021
    o lado ruim de redes sociais. bandidos se reunem livremente. Os donos do watzap, facebook etc, são bilionarios... deveriam investir mais na segurança ,
Veja mais Local

MAIS LIDAS

COLUNISTAS

ECONOMIA Atualizado 1 hora atrás

  • Dólar Comercial:
    Data:
  • Dólar Turismo:
    Data:
  • Euro:
    Data:

LOTERIAS Atualizado 1 hora atrás

  • Mega-Sena:
    Sorteio: , , , , , Data: 30/11/-0001
  • Quina:
    Sorteio: , , , , Data: 30/11/-0001