Converso

Por: Regina Helena Bastianini

A mão de sombra da noite

Desliza sobre meus olhos.

Um rumor de pedras, de estrelas, de lua cheia

Acolhe cicios, roçar de asas, vagar de lumes

E patas furtivas por veredas silentes...

É a voz da vida lembrando mundos

Dentro de mim e muito além.

Corre vento afora

O momento

Presente de Deus

Luz permanente

Sobre tudo

Que a terra devora

E o mundo sempre esquece.

Envie seu texto
e faça parte do Nossas Letras