O salão de festa do IEETC

Por: Maria Rita Liporoni Toledo

Quantas lembranças traz o salão de festa do IEETC aos ex-alunos desta tradicional escola ! O nome já anunciava grandeza, um espaço maior do que os limites da sala de aula, onde as atividades mais criativas eram realizadas. A mais usual era a aula de canto orfeônico, quando um piano, tocado com maestria, fazia fundo às canções entoadas. No salão se acomodavam várias turmas. Era imenso, ventilado, com portas largas. As cadeiras eram de madeira e tinham o assento dobrável. Ficava bem em frente ao pátio de recreio. Tinha um palco majestoso, acima de uns dez degraus, usado para palestras e comemorações . Ali, também, aconteciam os ensaios e, depois, as apresentações de teatro e danças.

Certa vez, nos anos 60, assisti a uma formatura de uma turma de professores que haviam concluído o Curso Normal. Este, de alto nível educacional, preparava os formandos para dar aulas às primeiras séries. Destacava-se no cenário do palco, pintada na parede, uma paisagem campestre, sob um céu estrelado e uma lua estilizada ao fundo. Mais à frente, uma enorme mesa, coberta por toalha de tecido aveludado, com franjas cintilantes, tendo, ao centro, flores diversas bem dispostas e, ao lado, os diplomas envolvidos em papel brilhante, simbolizando seu valor. Sentados atrás da mesa, os professores elegantes, inteligentes, respeitosos. Recebiam os formandos com galhardia e ouviam, atentamente, o juramento, o discurso do orador e as homenagens. Pais e familiares assistiam a tudo, contendo a emoção, em silêncio somente interrompido pelas palmas. Era uma festa solene compatível com a importância da situação.

Aos poucos, os currículos foram se modificando, as formaturas foram acontecendo em outros lugares e o salão foi atendendo a outros objetivos. Foi-se perdendo a conotação de mérito que o diploma continha. A escola era referência de cultura, de sucesso, de valores intelectuais. Os seus prédios eram planejados por engenheiros, que preparavam a estrutura para que um bom ensino fosse ali ministrado. O salão de festas do IEETC, pelo seu aspecto físico, indicava que grandes encontros poderiam ali acontecer, remetendo-nos à importância da educação naquela época.

Envie seu texto
e faça parte do Nossas Letras