Os tatuados

Por: Karina Gera

Expressão, cor, estilo, ousadia: toda tatuagem comunica uma ideologia. Rostos, gnomos, tribais e estrelinhas: cada pessoa escolhe seu símbolo. Também valem frases, nomes, arabescos.

Todo tatuador tem seu menu de tatuagens. Mas escolher algo que ficará marcado para sempre em nossa pele deve ser mais complexo que escolher um sabor de pizza. Uma tatuagem tem de representar a personalidade, uma fase importante, uma pessoa, uma história. Tatuagem não deveria ser acessório, mas algo permanente.

E se fazemos para permanecer, qual a graça em apagar? Tatuagem hoje em dia virou um “eterno enquanto dure” ou “até que a próxima tatuagem nos separe.”

Envie seu texto
e faça parte do Nossas Letras