Nunca

Por: Shirley Machado de Oliveira

A maior das charadas
Foi a grande viagem
Sem aviso e sem volta

Imaginar os dias
Vazios de conselhos e abrigo

Quase tinha certeza
Que você estava escondido
E que, em algum momento,
Na rua ou na televisão,
Eu iria te avistar

Quase sentia sua voz forte...
Quase corria para esperar...

Mas você nunca chegou...

Nunca mais vestiu aquelas roupas
Ou tocou aquela música

Nunca mais me pegou no colo
Ou fez perguntas sem respostas

Nunca mais pintou quadros
Ou me desafiou a sair da caverna

Nunca mais...

Envie seu texto
e faça parte do Nossas Letras