Silêncio

Por: Luiz Cruz de Oliveira

É provável que não sejam compreendidos, nem alcancem consagração os meus versos mimos para você.

Difícil crença diversa, se nenhum eco produz o grito lancinante que emana de cada sílaba, de cada tônica, de cada rima.

Envie seu texto
e faça parte do Nossas Letras