Raridade

Por: Sônia Machiavelli

Na Grécia clássica, até escultores célebres reparavam com cera ranhuras em suas obras. O remendo ficava imperceptível, mas influenciava o valor.  Quando alguém queria ressaltar a beleza original de um trabalho em mármore, dizia: “sin cera”, sem cera.  Ou seja, íntegro. Da expressão originou-se a palavra sincera e, por ela, o substantivo sinceridade.  Desde sempre algo muito raro.
 
 
Sonia Machiavelli,  professora, jornalista, escritora

Envie seu texto
e faça parte do Nossas Letras