Primeiro Encontro de Músicos Francanos

Por: Lúcia Helena Maniglia Brigagão

276338
A promoção que seria realizada na Praça Nossa Senhora da Conceição em Franca, em um próximo domingo, prometia. Músicos de todos os gêneros se apresentariam. A Banda Metamorfose, também convidada, providenciou a foto para o material de publicidade do evento:  muito jovens,  cabelos ao vento, a velha calça desbotada, a jaqueta jeans, a de couro, a irreverência do shorts, o muro – referência ao The Wall?,  o aspecto displicente, o ar circunspecto e rebelde: e roqueiro fica lá sorrindo à toa? A apresentação foi sucesso.  Três décadas distantes daquele momento, embora a banda original tenha desaparecido, ainda estão – mais ou menos - envolvidos com música. Adriano Ferreira, o roqueiro da esquerda,  virou bancário, só toca em casa, mas tem planos para voltar a estudar música.  O seguinte, Daniel Aleixo, é professor de Física e Matemática, com formação em Engenharia Mecânica. Faz parte da banda de hard rock Uncle Trucker. Na ponta,  Fabiano Coelho, dono de escola de música francana e integrante da banda General Blues.  O terceiro é Paulo Agesípolis Duarte, que logo depois e durante  vinte anos, formaria com outro companheiro lendário grupo francano, hoje  músico em outra dimensão.          
 
(Lúcia H. M. Brigagão)

Envie seu texto
e faça parte do Nossas Letras