Objeto de desejo

Por: Camila Faria Rezende

300285

Loucura seria desistir agora de viver, viver o que te faz bem, tudo aquilo que te traz paz e tranquilidade. Os vendavais chegam sim, mas é preciso estar preparado, pois eles causam certo caos diante do que se vive e deseja viver.

Diante do mesmo, temos duas opções: fugir ou enfrentar. No entanto, fugir não nos levará a lugar algum, sempre cairemos na mesma armadilha, conduzindo- nos a um labirinto de ninguém.
Ficaremos confusos, diante de tantas portas a se abrirem, mas saberemos encontrar o “caminho” a seguir, entraremos em contato conosco e descobriremos o nosso desejo, energia que nos impulsiona a viver.

Desterrar um lugar determinado e então relegar alguém ao esquecimento, não nos levará a lugar algum, ou melhor, continuaremos dando voltas, em um mesmo lugar, e a repetir velhos erros. Seremos como um rato que dá voltas em um labirinto à procura do tão sonhado queijo objeto de seu desejo.
 

Envie seu texto
e faça parte do Nossas Letras