Acontece, apenas

Por: Ronaldo Silva

311305

Joana está rezando,
Maria, fazendo tricô.
Valter está se matando,
Pedro se masturbando,
Clóvis, chorando.

Cirilo está comendo,
Dorotéa sendo comida.
Edmundo escutando tudo,
Marta ficando surda.
Santina está ciciando.
 
Carlos está escrevendo,
André está rindo.
Joaquim está lendo;
Paulo, cuidando da lida.
Lúcia está partindo. 
 
Fulano está assim;
Sicrano está assado;
Beltrano, cozido de preguiça.
 
O padre está batizando;
O soldado está prendendo.
Deus está amando;
O diabo, seduzindo.
Os anjos estão descendo,
Os mortos, subindo.
 
O político está politicando.
O comerciante, comerciando.
O traficante está traficando.
O juiz está cochilando;
O cidadão, se ferrando.
 
O barco está navegando;
O mar, se agitando.
O cego está bengalando;
O vivo está vivendo;
O idiota, se enganando.
 
O dia está iluminando;
O vento, soprando.
A chuva está chovendo.
A flor está desabrochando;
O fruto, vingando.
 
Eu estou me apaixonando,
me iludindo, me frustrando.
O poeta está se entediando,
A poesia, acabando.
 
Ando... ando... ando... ando...
Indo... indo.... indo... indo...

Envie seu texto
e faça parte do Nossas Letras