Jesus

Por: Sônia Machiavelli

340699

Também nas prisões
e nos hospitais
em  bares,  casebres
arremedos de lares
até nos  lugares
mais improváveis
tipo assim beco escuro
onde tudo é lamentável
(e, claro,  Noel não pede passagem)

No instante difícil 
da adversidade
e por  toda parte
onde falta beleza 
e sobra  ansiedade
No cinza do asfalto
(mesmo com  panetone)
Na cinza das horas 
( que não elidem saudade)
 
 
 
 
Mas principalmente 
dentro do homem
curvado de pesos
opaco de vida
sem esperança 
e morto de fome-
O fracasso na lida
o cansaço da luta
os olhos já turvos
sem trégua pra ver.
 
É aí mesmo, Jesus,
que tu tens de  nascer!

Envie seu texto
e faça parte do Nossas Letras