Chico gosta de pintar

Por: Isabel Fogaça

362843

Eu andava na esteira da academia, e contava os minutos para terminar um treino exaustivo. Então escuto repentinamente: “Moça, você é filha de quem?”.

Imediatamente penso nesse hábito de cidade pequena. Nunca serei nome e sobrenome, e sim o primeiro nome dito de uma maneira arrastada e a parte do sobrenome é substituída pelo filha e neta de alguém.

“Sou filha da Marlene, diretora da APAE”. Foi o que respondo à moça na esteira ao lado.

Ela então, pensativa, perguntou sobre o meu irmão Chico.

Fiquei curiosa com a indagação, meu irmão tem saúde excelente, apesar de não gostar de esportes, apenas assiste metodicamente o futebol aos domingos. O Chico fica em casa a maior parte do tempo, pois se cansou da escola, e minha mãe resolveu respeitar a sua escolha. Afinal, por ser autista, sofreu por longos anos frequentando um modelo escolar que não fazia sentido a ele.

Em conta disso, Chico frequentou a APAE por um tempo, lá ele desenvolveu o hábito de pintar. Tenho muito orgulho em falar que ele já ganhou uma exposição com seus trabalhos e prêmios nacionais de pintura. Hoje ele fica em casa, pega o lápis, o papel, e a tinta quando dá vontade, na maior parte do tempo, está assistindo seus programas favoritos, ou ouvindo as músicas que gosta.

“O Chico vai bem!” respondi com um sorriso curioso.

Ela então desmontou a falar: “Moça, eu já sabia que você era filha da Marlene, e irmã do Chico antes de perguntar. Ele me ensinou muito, queria te falar isso. Quando tive depressão, frequentei a APAE, e descobri um novo modo de ver a vida. Eu olhava o seu irmão, o jeito dele, as coisas que ele fazia, passei ver mais brilho na vida por causa dele”. Disse a moça enquanto caminhava lentamente com um incrível brilho nos olhos.

Surpresa apenas sorri, agora um sorriso espontâneo de real felicidade. E depois de alguns segundos refletindo, prossegui: “Obrigada por falar isso, vou dizer a ele”.

E disse, e agora digo a vocês.

A vida é muito mais do que vocês imaginam.

Envie seu texto
e faça parte do Nossas Letras