Cadê?

Por: Carlos de Assumpção

366825

Cadê o samba
Que era meu
O branco tomou e deturpou
Cadê o branco
Tá por aí Ganhando dinheiro
Com o samba que roubou

Cadê o carnaval
Que era meu
O branco tomou e deturpou
Cadê o branco
Tá por aí
Ganhando dinheiro
Com o carnaval que roubou

Cadê Iemanjá que eu trouxe da África
Cadê Iemanjá que era negra como eu sou
Tá dependurada na parede
Onde o branco a dependurou
Pintada de branco como o branco a pintou

Cadê as terras que desbravei
Cadê as riquezas que construí
O branco de tudo se apossou
Cadê o branco
Tá por aí
Na sua velha altivez
Colhendo frutos que não plantou

Envie seu texto
e faça parte do Nossas Letras