Chelsea Flower Show

Por: Lúcia Helena Maniglia Brigagão

378126

Chelsea Flower Show a primeira vez que ouvi falar nessa exposição de flores foi num filme, inglês naturalmente, que contava a história do presidiário representado por Clive Owen (Collin Briggs) que, ao participar de programa de reabilitação na prisão, descobre seu talento para a jardinagem e deseja participar do concurso realizado durante o tradicinal evento realizado há muitos anos no mês de maio, em Londres. Junta-se a outros presos na mesma condição e igual talento e movem céus e terra para atingir o objetivo. O filme, Greenfingers, em português Dedos Verdes, produção de 2000, tem ainda no elenco Dame Helen Mirren (Georgina), a grande estrela de Dama Dourada e David Kell (Fergus Wilkys), de A Incrível Fábrica de Chocolate. Durante cinco dias e apenas no mês de maio, o RHS Chelsea Flower Show, nome oficial, formalmente conhecido como Great Spring Show é um jardim que recebe a chancela da Royal Horticultural Society (RHS) e acontece nos arredores do Royal Hospital Chelsea, onde está o mais famoso jardim de flores do Reino Unido, talvez do mundo. Os membros da família real inglesa são presenças garantidas e pessoas do mundo inteiro são atraídas pelo evento tão ardorosamente prestigiado pelos amantes de flores, plantas e da natureza. É tão concorrido, que a rainha Elizabeth II foi presença confirmada em praticamente todas as edições da exposição e nesta, embora seu neto mais querido – segundo dizem – tenha se casado no domingo e ela enfrentado a maratona que se seguiu às cerimônias, na segunda-feira estava presente na edição deste 2018. A primeira edição da feira, embora tenham acontecido mudanças durante sua história, data de 1892. Apenas durante a Segunda Guerra a exposição foi cancelada.
 

Envie seu texto
e faça parte do Nossas Letras