Novo mês

Por: Zelita Verzola

398477

Apesar dos tantos

junhos

este pode ser novo.

Há de marcar o fim

do semestre

e ensejar o começo

de ser mestre

de si.

A luz que se busca

está em si.

O amor que se quer

está em si.

A paz do mundo

está em si.

E em dó, ré, mi, fá, sol

e lá nas novas cantorias

juninas.

 

Envie seu texto
e faça parte do Nossas Letras