Eles novamente

Por: Zelita Verzola

401566

Vestidos de verde e amarelo, enfileirados ou em pequenos agrupamentos. Ou mesmo sozinhos. São um primor. Encantam, apaziguam, alegram, ajudam a refletir. Sempre que os vejo peço à Vida que os conserve e proteja. E desejo que suas sementes não se corrompam, mas que se espalhem Brasil afora e se multipliquem pelo mundo inteiro. Os cheios de verdade e beleza ipês amarelos.

Envie seu texto
e faça parte do Nossas Letras