Impulsos

Por: Zelita Verzola

407480

De vez em quando recebemos um impulso para continuar em um determinado propósito. Como quando, por exemplo, encontrei ex-aluna do Ensino Médio, agora uma mulher já mãe de filhos adolescentes. “Posso-lhe dar um abraço?” Digo-lhe que sim, claro, mas quis saber o porquê. (!!!) Recebi, imensamente agradecida, o abraço e o impulso para continuar escrevendo. E lendo. Principalmente o que eu escrevo: no papel, no computador e na vida.

Envie seu texto
e faça parte do Nossas Letras