Sam Mendes

Por: José Antonio Pereira

O diretor inglês nasceu em 1965 e o nome familiar português trai sua ascendência de ilhéus da Madeira. Sam, diminutivo de Samuel, é de Reading, pequena cidade a 60 Km de Londres. Sua carreira, relativamente curta, tem dois prêmios Lawrence Olivier (“Oscar” do teatro britânico). Várias peças premiadas: Oliver!, Othello, The Glass Menagerie, Cabaret e The Blue Room.


Em Beleza Americana, 1999, Sam Mendes alcançou a celebridade, ganhando o Oscar de Melhor Diretor, relatando o caso do desmoronamento de uma família típica norte-americana, escrito por Alan Ball. Steven Spielberg produziu o filme, na Dreamworks.


Comparando Beleza Americana com A Rua dos Revolucionários, ou Foi apenas um Sonho, vemos que Sam Mendes se interessa em retratar o “american way of life”. Ou seja, uma sociedade double face.


Casou-se em 2003 com Kate Winslet, a estrela do filme, e separaram-se neste ano.


Foi apenas um Sonho ou The Revolutionary Road foi rodado em 2008. Sam Mendes está no momento trabalhando no filme Farlanders.

Envie seu texto
e faça parte do Nossas Letras