13/09/2018 - Reportagem de Marcella Murari

Famílias de vítimas de tragédia processam motorista

Foto de: WhatsApp GCN

Fiat Linea, conduzido por Cairo, completamente destruído no local do acidente, em 2015

Quase três anos depois da morte de três jovens na avenida Paulo VI em um grave acidente, suas famílias ingressaram na Justiça contra o motorista do veículo. Além do ex-namorado e pai da filha de Carolina Rodrigues, de 20 anos, os pais de Bruna Justino, 20, e a mãe de Mariana Luiza de Sousa, 19, estão processando o auxiliar-geral Cairo César Cruz, 26.

Dúvidas, sugestões, reclamações?

Whatsapp GCN

16.99122-0761

1 COMENTÁRIO

Edmilson Sanches

13 de Setembro 2018

A culpa maior foi do motorista,mas as vítimas sabiam que ele estava embriagado e assim mesmo entraram no carro com ele.A dor da perda é grande,mas o oportunismo em tentar ganhar algum dinheiro com a tragédia também é .

Gostei
COMENTE
A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal GCN e se comprometem a respeitar o

Código de Conduta On-line do GCN.

Li e concordo com o código de conduta online.