24 de agosto de 2019

Franca

Agora estadual, Graciela quer acabar com o 'quase lá'

Graciela participa hoje da série de sabatinas do Comércio com os candidatos a deputado.

Franca 14/09/2018 -
Graciela Ambrósio participa hoje de sabatina, na Difusora
Candidata mais votada para deputada federal, em Franca, nas duas últimas eleições (50.256 votos, em 2010, e 45.551 votos, em 2014), a delegada de Defesa da Mulher, Graciela de Lourdes David Ambrósio, mudou de meta em 2018 e concorre a uma vaga para deputada estadual. Apesar de sua expressiva votação, não conseguiu se eleger. Em 2010, ficou como a primeira suplente do Partido Progressista. Além de disputar outro cargo, nestas eleições, a delegada também mudou de partido. Deixou o PP e se filiou ao Partido da República (PR).
 
Graciela, que está licenciada da DDM, participa hoje da série de sabatinas do Comércio com os candidatos a deputado com base eleitoral em Franca. A entrevista irá ao ar, às 11 horas, ao vivo pela rádio Difusora; pela página do GCN, no Facebook, e pela TV Franca (Canal 23 NET). A Sir FM e o Portal GCN irão trazer a repercussão do desempenho da candidata. O Comércio publica um resumo da entrevista em sua edição de amanhã.
 
Durante 12 anos, a delegada acumulou a função de vereadora - eleita pelo PDT e, depois, pelo PP. Através dos progressistas, ela ainda concorreu à Prefeitura de Franca, em 2012, mas foi derrotada, no segundo turno, pelo ex-prefeito Alexandre Ferreira (SD). Na atual disputa, Graciela faz “dobrada” eleitoral com seu irmão e ex-prefeito de Buritizal, Davi Abimael, que concorre a deputado federal. 
 
Graciela começou a carreira policial como escrivã. Três anos depois, tornou-se delegada e há mais de duas décadas comanda a delegacia que investiga crimes contra mulheres na cidade. A candidata, de 54 anos, é casada e tem dois filhos. 
 
Internautas e ouvintes podem mandar perguntas através do WhatsApp (99996-0538).


COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal GCN e se comprometem a respeitar o Código de Conduta On-line do GCN.

Ainda não é assinante?

Clique aqui para fazer a assinatura e liberar os comentários no site.

VER MAIS