24 de agosto de 2019

Opinião

Maldição do vice

Rompido com Gilson de Souza (DEM) desde a campanha eleitoral, o vice, Professor Frank, embora do mesmo partido, voltou a fazer críticas à administração nesta semana, a qual classificou

Opinião 08/11/2018 -

Rompido com Gilson de Souza (DEM) desde a campanha eleitoral, o vice, Professor Frank, embora do mesmo partido, voltou a fazer críticas à administração nesta semana, a qual classificou como “desgoverno”. No mês passado, Frank já havia reclamado que foi despejado do gabinete, encostado pelo prefeito e queimado pela maioria dos secretários.

O racha entre o prefeito e vice não é exclusividade de Franca. Em Cristais Paulista, Katiúscia Leonardo (PSD) também brigou com o vice Edvaldo Costa ainda durante a campanha. Edvaldo, que morreu vítima de acidente em janeiro, chegou a chamar a prefeita de “burra”.

Em Restinga, Amarildo Nascimento (MDB) e a vice Karla Ferracioli (PTB) também não se sentam mais à mesma mesa. Em Ribeirão Preto, o vice Carlos Cézar Barbosa (PPS) pediu exoneração do cargo de secretário da Assistência Social dias após acusar o prefeito Duarte Nogueira (PSDB) de pedir doações para a mulher dele, que disputou e perdeu as eleições para deputado.

Nos passos de Doria e Zema: Ganha força nos bastidores políticos a informação de que um grupo de empresários estaria propenso a lançar um candidato a prefeito em Franca em 2020. A ideia é aproveitar a onda do empresário-político, que elegeu os governadores de São Paulo e Minas Gerais. Entidades empresarias veem a iniciativa com bons olhos. Dorival Mourão Filho, presidente da Acif, é um dos nomes cogitados.

Batman e Robin: Adérmis Marini deve ser o nome do PSDB nas eleições municipais. Após receber o aval do principal nome dos tucanos na cidade, o ex-prefeito Sidnei Rocha, o vereador já começa a se articular. Deve formar dobradinha com Marco Garcia (PPS). Resta saber quem será o vice.

Deslanchou: Outro nome tido como certo para 2020 é o da secretária municipal de Desenvolvimento, Flávia Lancha (MDB). A empresária nunca escondeu que sonha em tentar mais uma vez a cadeira de prefeito. Seu desembarque do governo não deve demorar para acontecer.

Eu quero, mas...: Líder do Governo na Câmara, Pastor Otávio Pinheiro (PTB) é mais um que já colocou o seu nome para suceder a Gilson de Souza. Se não decolar, aceitará de bom grado uma vaga de vice. Na pior das hipóteses, seguirá feliz na busca pela reeleição como vereador.

Procura-se: O presidente do PSB, Rodrigo Soró, e o ex-vereador Laercinho apostaram comigo nas eleições e perderam. Ambos sumiram.

 

Edson Arantes
Jornalista
edson@comerciodafranca.com.br
 


COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal GCN e se comprometem a respeitar o Código de Conduta On-line do GCN.

Ainda não é assinante?

Clique aqui para fazer a assinatura e liberar os comentários no site.

VER MAIS