27 de junho de 2019

Opinião

Ausência de ex-presidentes!

Obviamente que até a data de hoje muitos comentários já foram publicados em relação ao novo governo, porém há pontos sobre os quais não vimos comentários.

Opinião 05/01/2019 -

Obviamente que até a data de hoje muitos comentários já foram publicados em relação ao novo governo, porém há pontos sobre os quais não vimos comentários. Um deles trata da ausência de ex-presidentes na cerimônia de posse de Jair Bolsonaro. Uma ausência é justificada, porém por que será que o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso não compareceu à cerimônia? Igualmente por que a ex-presidente Dilma Rousseff esteve ausente? São fatos como estes que apenas demonstram para nós analistas que para tais ex-presidentes os seus projetos pessoais, as suas ideologias, estão acima da brasilidade. Apesar de discursarem o contrário, a prática demonstra que o ego de tais pessoas está acima de tudo, não pensam num Brasil grande, unido, em busca de melhorias, não aceitam um pacto nacional pelo desenvolvimento e resoluções dos problemas que afligem a nação e a todos brasileiros. Independentemente de suas convicções, a cerimônia de posse seria momento oportuno para demonstrarem gesto de cidadania. Porém fazem exatamente o contrário, dando demonstração clara que de tudo farão para atrapalhar o futuro governo, apenas para continuarem com suas políticas que apenas atrasaram nosso país por décadas, pois afirmavam diziam que a culpa era dos governos militares, quando na realidade quase acabaram com nosso país. Um ex-presidente através da venda do patrimônio nacional a preços questionáveis. Outros com o único objetivo de se perpetuarem no poder e conseguir instalar e manter governos esquerdistas em toda America Central e do Sul, mesmo que isso custasse o envio de dinheiro brasileiro, através de “esquemas” montados junto com empreiteiras e outras formas disfarçadas. Dinheiro esse que faz e fez falta à saúde, educação, segurança, infra-estrutura para o saneamento básico etc.

Em nossa visão, como em outros países realmente democratas, os ex-presidentes vivos e em condições favoráveis de saúde, deveriam estar presentes à cerimônia de posse de Jair Bolsonaro e não somente o ex-presidente José Sarney e Fernando Collor. Essa é a democracia que pregam Fernando Henrique Cardoso e Dilma Rousseff?

O momento é de mudança, é de união e os contrários aos interesses públicos, fiquem alerta, pois a maioria dos brasileiros já deu mostras que não são “massas de manobras” facilmente manipuladas e não aceitaram partidos políticos com suas lideranças pregando a obstrução, o voto contrário aos projetos de interesse do povo brasileiro e a manutenção de uma “classe de privilegiados” que somente sabem viver pendurados no governo.

Enfim, o povo está esperançoso com o novo governo, porém não vai ser fácil enfrentar uma oposição que, como dissemos somente pensa em seus interesses próprios e individuais. Assim a população tem que estar atenta e cobrar principalmente dos deputados e senadores um posicionamento pelo Brasil e não pelos seus interesses partidários. Boa sorte ao novo governo e um bom ano para todos nós! 



COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal GCN e se comprometem a respeitar o Código de Conduta On-line do GCN.

Ainda não é assinante?

Clique aqui para fazer a assinatura e liberar os comentários no site.

VER MAIS