22 de janeiro de 2020

Artes

Oscar 2019: curta retrata assassinato do anos 90 e mãe da vítima pede boicote

O documentário de 30 minutos, 'Detainment' (Detenção, em tradução livre), conta a história de um homicídio que ocorreu na Inglaterra em 1993.

Artes 24/01/2019 -
O documentário de 30 minutos, "Detainment" (Detenção, em tradução livre), conta a história de um homicídio que ocorreu na Inglaterra em 1993
Saiu na última terça-feira (22) a lista dos indicados ao Oscar 2019. Um dos filmes indicados para o prêmio de curta-metragem está causando polêmica na Europa.

O documentário de 30 minutos, "Detainment" (Detenção, em tradução livre), conta a história de um homicídio que ocorreu na Inglaterra em 1993. O menino de 2 anos, James Bugler, foi brutalmente espancado com tijolos e uma barra de ferro até a morte, por duas crianças de 10 anos. O corpo de James foi abandonado em um trilho de trem e só foi encontrado 2 dias depois.

Os assassinos foram identificados depois que um jornal britânico mostrou câmeras de segurança de um shopping, onde os meninos Jon Venables e Robert Thompson aparecem atraindo o pequeno James e saem do shopping com ele.

O caso teve repercussão internacional e a maioridade penal foi diminuída para 10 anos na Grã-Bretanha, além de abrir discussão sobre psicopatia infantil no país. Jon e Robert foram condenados e cumpriram oito anos de detenção em reformatório. Aos 18 anos foram soltos e ganharam identidades novas e passaram a viver de forma anônima.

O documentário que concorre ao Oscar reconstitui as entrevistas com os assassinos, a partir da transcrição dos depoimentos originais de Jon Venables e Robert Thompson. Uma das cenas ainda simula os últimos momentos de vida da vítima James Bugler.

A mãe do garoto, Denise Fergus, publicou na internet que está "enojada" com a indicação do curta ao Oscar. Ela ainda abriu uma petição para que o curta seja proibido e pede aos internautas que boicotem a produção. "Uma coisa é fazer um filme assim, sem nem avisar nem pedir permissão para a família de James, mas outra é ter uma criança simulando as últimas horas de vida de James, antes de ele ser brutalmente assassinado, e fazer eu e minha família termos de reviver tudo isso de novo!" escreveu no twitter.

Fergus revelou estar extremamente triste e com raiva da situação toda. Em um programa de TV britânico, ela pediu para a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas, que concede o Oscar, retirar o filme da lista de indicação. Denise ainda acusou o diretor, Vincent Lambe, de estar usando o sofrimento alheio para se promover.

Em resposta, o irlandês disse que lamenta o que a mãe está sentindo, mas que não tem a intenção de se promover. "Eu sinto um grande pesar pelo que aconteceu com a família Bulger e lamento muito por qualquer mal-estar que o filme possa ter causado a eles. Em retrospecto, lamento não ter avisado a senhora Fergus sobre o filme." disse, em entrevista à BBC.

E acrescentou "Eu não esperaria que eles se sentissem confortáveis com um filme que humaniza os garotos [que mataram a criança], mas eu espero que eles entendam o motivo, e certamente não foi trazer mais sofrimento a eles."

Lambe afirma que o filme foi feito para tentar compreender como duas crianças de apenas 10 anos foram capazes de cometer um crime tão horrível. "Porque eu acho que, se não entendermos a causa disso, é provável que algo parecido volte a ocorrer no futuro."

O curta "Detainment" concorre ao Oscar de melhor curta-metragem com os filmes "Fauve", "Mother", "Skin" e "Marguerite". A cerimônia é dia 24 de fevereiro.

 



COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal GCN e se comprometem a respeitar o Código de Conduta On-line do GCN.

Ainda não é assinante?

Clique aqui para fazer a assinatura e liberar os comentários no site.

Veja mais Cinema

CLIMA EM FRANCA

28°
19°

MAIS LIDAS

COLUNISTAS

ECONOMIA Atualizado 1 hora atrás

  • Dólar Comercial:
    Data:
  • Dólar Turismo:
    Data:
  • Euro:
    Data:

LOTERIAS Atualizado 1 hora atrás

  • Mega-Sena:
    Sorteio: Data:
  • Quina:
    Sorteio: Data: