06/02/2019 - Reportagem de FolhaPress

Vigia mata médica cubana depois de 'ouvir vozes'

Foto de: Reprodução Facebook

Ferreira ainda afirmou que acertou à vítima ao menos dez vezes com a chave de fenda, dentro da casa do casal, onde ela morreu.

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Um vigia de 45 anos foi preso na noite de domingo em Mauá (ABC), após matar com uma chave de fenda a mulher, a médica cubana Laidys Sosa Ulloa Gonçalves, 37 anos. Ela fez parte do programa Mais Médicos em Ribeirão Pires (ABC).

Dúvidas, sugestões, reclamações?

Whatsapp GCN

16.99122-0761

0 COMENTÁRIO
COMENTE
A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal GCN e se comprometem a respeitar o

Código de Conduta On-line do GCN.

Li e concordo com o código de conduta online.