20 de agosto de 2019

Franca

ESFAQUEADO

Adolescente de 17 anos mata idoso a facadas no Leporace

Luís Antônio Pereira foi socorrido no dia do crime, mas não resistiu a complicações.

Franca 07/08/2019 - Repórter: Leandro Vaz e Kaique Castro
Foto de: Reprodução
Luís Antônio Pereira foi socorrido no dia do crime, mas não resistiu a complicações
O homem de 69 anos que foi esfaqueado por um adolescente de 17 anos no Parque Vicente Leporace, na noite da última segunda-feira, 5, não resistiu aos graves ferimentos e morreu na Santa Casa de Franca, na tarde desta quarta-feira, 7. O idoso levou pelo menos cinco golpes de faca após uma discussão com o rapaz.  Luís Antônio Pereira foi socorrido no dia do crime, mas não resistiu a complicações. 
 
A história do crime começou na noite de segunda. Luís Antônio procurou o plantão policial para registrar um boletim de ocorrência de ameaça por conta de uma discussão com um adolescente, que acabou em uma luta entre os dois, na mesma noite. De acordo com o idoso, em depoimento, a briga aconteceu depois que eles discutiram por causa do portão do prédio. Ele ainda afirmou que o jovem disse que voltaria para matá-lo.
 
Logo após sair do plantão, o idoso voltou para casa, foi surpreendido pelo jovem e pelo menos um comparsa, onde teriam entrado em luta corporal novamente. O menor que estava com uma faca desferiu cinco golpes contra o homem e fugiu do local.  Uma ambulância do Samu foi acionada e socorreu o homem até a Santa Casa de Franca. Luís Antônio passou por cirurgia ainda na noite de segunda. 
 
Na terça-feira, 6, ainda internado, por volta das 18 horas, ele começou a sentir dores abdominais. Novos exames foram feitos e foi constado que ele havia sofrido uma hemorragia intestinal. Segundo a filha de Luís, Janaina Pereira, ele passou por uma nova cirurgia onde foi removido parte de seu intestino. No começo da tarde desta quarta, ele não resistiu e morreu por volta das 13 horas. 
 
Seu velório acontece na noite desta quarta, no espaço reservado do Parque Vicente Leporace, e o enterro está marcado para as 10 horas no Cemitério Santo Agostinho. 
 
Segundo Janaina, o pai teria relatado ainda quando lúcido, antes de ser submetido a segunda cirurgia, que a discussão com o menor teria ocorrido porque, segundo ele, o garoto e outro amigo, estariam querendo utilizar o prédio onde a vítima morava, como esconderijo de droga.  O apartamento de Luís Antônio estaria, segundo Janaína, todo destruído. 
 
O jovem e o comparsa não foram localizados e o crime será investigado pela Polícia Civil.


COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal GCN e se comprometem a respeitar o Código de Conduta On-line do GCN.

Ainda não é assinante?

Clique aqui para fazer a assinatura e liberar os comentários no site.

VER MAIS