15 de outubro de 2019

Nossas Letras

Uma mulher corajosa

Era discreta, mas aos poucos acabou se abrindo e revelou que sempre levou uma vida muito triste.

Nossas Letras 05/10/2019 - Repórter: Thereza Rici

Joana trabalhou em minha casa como doméstica, por dez anos. Era discreta, mas aos poucos acabou se abrindo e revelou que sempre levou uma vida muito triste. Tinha apenas sete anos quando seu pai resolveu que deveria ajudá-lo na lavoura de café. Casou-se muito cedo e teve cinco filhos. Seu marido, cansado da vida dura do campo, resolveu mudar para a cidade. Foi trabalhar na



COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal GCN e se comprometem a respeitar o Código de Conduta On-line do GCN.

Ainda não é assinante?

Clique aqui para fazer a assinatura e liberar os comentários no site.

Veja mais Textos

CLIMA EM FRANCA

32°
19°

MAIS LIDAS

COLUNISTAS

ECONOMIA Atualizado 1 hora atrás

  • Dólar Comercial:
    Data:
  • Dólar Turismo:
    Data:
  • Euro:
    Data:

LOTERIAS Atualizado 1 hora atrás

  • Mega-Sena:
    Sorteio: Data:
  • Quina:
    Sorteio: Data: