30 de maio de 2020

Franca

CASA PRÓPRIA

Bairros de Franca viram 'canteiros' de prédios de até dois pavimentos

Imóveis com até quatro apartamentos se multiplicaram na cidade nos últimos anos e têm sido opção para pessoas que buscam unida

Franca 01/12/2019 - Repórter: Carolina Ribeiro
Foto de: Dirceu Garcia/Comércio da Franca
Prédios com 4 apartamentos no bairro Santa Lúcia: empreendimentos se popularizaram nos últimos anos em Franca
Nos últimos anos imóveis com até quatro apartamentos se multiplicaram e se tornaram mais populares em Franca. Com valores que variam entre R$ 130 mil e R$ 250 mil, os predinhos são uma opção para aqueles que sonham com a casa própria, mas querem fugir dos altos valores dos condomínios e ainda buscam mais facilidade no momento de financiar os imóveis.

Entre 2015 e 2017, anos em que os prédios de até 12 apartamentos se popularizaram em Franca, foram construídos 780 empreendimentos do tipo na cidade. No começo deste ano foi aprovada e sancionada uma lei permitindo a construções de edificações de até dois pavimentos e até quatro unidades com dez metros de frente. Com a lei complementar, ficou autorizada por 180 dias a construção de imóveis com vaga de estacionamento de 2,15 X 4,50, o que permitiu que ao menos 100 projetos do tipo fossem autorizados em Franca. O número exato de aprovações tanto deste ano como em 2018, porém, não foram liberados pela Prefeitura.

“Os prédios desta modalidade se popularizaram muito nos últimos cinco anos. Em bairros novos e mais distantes, como João Liporoni e São Jerônimo, temos opções que variam entre R$ 130 e R$ 150 mil, valores que podem ser financiados pelo Minha Casa Minha Vida. São bairros um pouco distantes, mas a cidade está em constante crescimento e são ótimas oportunidades”, disse Ana Teresa Gaia, corretora há aproximadamente oito anos.

Em bairros como Santa Lúcia e Piratininga, segundo a corretora, os imóveis, considerados de padrão médio a alto, têm valores que variam entre R$ 180 mil e R$ 210 mil.

A ausência de condomínio, além da entrada mais acessível e o financiamento facilitado foram os motivos que levaram a administradora Natália Lima, 28, e o vendedor Eduardo Barbosa, 31, a buscarem um apartamento em um prédio de quatro unidades. “Estamos de casamento marcado para o mês de maio do ano que vem e o nosso desejo era conseguir sair do aluguel, já que moramos juntos há algum tempo. Optamos por um prédio menor por entendermos que ele é mais econômico, pois fugiremos do condomínio”, conta ela. O financiamento do imóvel dos dois já foi aprovado e a expectativa é que eles recebam as chaves ainda neste ano.

A professora Andressa Mendes, 29, mora sozinha em Franca há cerca de sete anos e decidiu sair do aluguel adquirindo um apartamento no bairro João Liporoni. “Optei por um prédio com apenas quatro imóveis por que eles são mais baratos, ficam prontos em menos tempo e o financiamento foi mais prático. Prezei pelo fato do valor, mas também acredito que estes pequenos prédios são seguros, com vizinhos próximos e esse era um fator muito importante pra mim”, disse a jovem.

A equipe de reportagem do Comércio visitou ao menos quatro bairros onde os prédios com até dois pavimentos são bem populares: João Liporoni, Novo Mundo, Piratininga I e II, Santa Lúcia e Residencial São Jerônimo. No Santa Lúcia, localizado às margens da avenida São Vicente, na região Sul da cidade, em apenas um quarteirão podem ser encontrados cerca de dez prédios com até quatro apartamentos prontos, além de outros semelhantes em construção. Situação parecida foi encontrada em todos os bairros citados.



COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal GCN e se comprometem a respeitar o Código de Conduta On-line do GCN.

Ainda não é assinante?

Clique aqui para fazer a assinatura e liberar os comentários no site.

  • ELIESER ATILA RIBEIRO
    02/12/2019
    Pra quem compra um terreno com planos de construir uma casa, esses apertamentos são um problema, pois tiram a privacidade. Na grande maioria não existe espaço nem para uma lixeira que comporte o lixo dos quatro apartamentos, e comum nesses bairros, o excesso de lixos em terrenos e espalhados pelas ruas. O custo só é benéfico pra quem constrói, porque pra quem compra não tem nada barato.
Veja mais Local

CLIMA EM FRANCA

24°
13°

MAIS LIDAS

COLUNISTAS

ECONOMIA Atualizado 1 hora atrás

  • Dólar Comercial:
    Data:
  • Dólar Turismo:
    Data:
  • Euro:
    Data:

LOTERIAS Atualizado 1 hora atrás

  • Mega-Sena:
    Sorteio: Data:
  • Quina:
    Sorteio: Data: