23 de fevereiro de 2020

Franca

CRIME

Suspeito de participar de crime é preso em Franca; Rafaela foi queimada viva

O homem foi capturado em um apartamento no Jardim Aeroporto 2.

Franca 17/01/2020 - Repórter: Kaique Castro, especial para o GCN
Foto de: Reprodução
Rafaela Souza estava debilitada quando chegou no local onde foi morta e foi queimada viva. O corpo foi encontrado pelos policiais com uma corda amarrada no pescoço, a mandíbula quebrada e com marcas de queimaduras.
Foi encontrado na manhã de quinta-feira, 16, pela Polícia Civil de Franca o terceiro suspeito de participar da morte cruel de uma mulher de 27 anos, que foi queimada viva em Irecê (BA). Segundo a Polícia Civil, Eriton Dias, 32 anos, participou do crime que foi encomendado por um fisioterapeuta que tinha um caso com a vítima. O homem foi capturado em um apartamento no Jardim Aeroporto 2.

De acordo com a Polícia Civil, Rafaela Gomes de Souza ficou desaparecida por quatro dias no final de novembro do ano passado, até que o corpo fosse encontrado. A polícia chegou a Eriton após prenderem o outro suspeito de participar do crime e o mandante.Ainda segundo a Polícia Civil, o fisioterapeuta informou que mantinha uma relação extraconjugal com a jovem, que estaria o chantageando. Ele conta que queria “apenas” dar um susto Rafaela, mas que acabou resultando na morte.Eriton foi preso em um apartamento no Jardim Aeroporto 2, e teria fugido para Franca após o crime, deixando dois filhos na Bahia. O criminoso foi levado até a Penitenciaria de Franca e deverá ser transferido para o Estado da Bahia.

O CRIME

Segundo o delegado Geraldo Vilaboim, que investigou o caso na Bahia, Rafaela Souza foi sequestrada na quarta-feira, 20 de novembro, e levada para um local próximo da fazenda do pai do fisioterapeuta, na cidade de Lapão, onde ficou em cativeiro por quatro dias. Ela foi morta em um lixão desativado, em Irecê.

Rafaela Souza estava debilitada quando chegou no local onde foi morta e foi queimada viva. O corpo foi encontrado pelos policiais com uma corda amarrada no pescoço, a mandíbula quebrada e com marcas de queimaduras. 



COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal GCN e se comprometem a respeitar o Código de Conduta On-line do GCN.

Ainda não é assinante?

Clique aqui para fazer a assinatura e liberar os comentários no site.

  • Edmilson Sanches
    19/01/2020
    Foi morta e queimada viva ??
Veja mais Local

CLIMA EM FRANCA

27°
18°

MAIS LIDAS

COLUNISTAS

ECONOMIA Atualizado 1 hora atrás

  • Dólar Comercial:
    Data:
  • Dólar Turismo:
    Data:
  • Euro:
    Data:

LOTERIAS Atualizado 1 hora atrás

  • Mega-Sena:
    Sorteio: Data:
  • Quina:
    Sorteio: Data: