23 de fevereiro de 2020

Franca

DESCASO

Em um mês buracos causam pelo menos seis acidentes; ciclistas foram socorridos

Reportagens do GCN mostram que pelo menos seis pessoas acabaram sofrendo acidentes.

Franca 24/01/2020 -
Em apenas um mês, o portal GCN divulgou seis acidentes de pessoas que caíram em buracos.
Quem necessita transitar pelas ruas francanas vêm sofrendo com o mesmo mal: os buracos de toda cidade. As crateras espalhadas de norte e sul de Franca fez com que os moradores se vissem 20 anos atrás, quando o município sofria com uma quantidade gigantesca de buracos. Em apenas um mês, o portal GCN divulgou seis acidentes de pessoas que caíram em buracos.

 O mais grave aconteceu na véspera do Natal, quando Lucimar Barbosa, de 52 anos, seguia para casa quando na Rua Angélica Gomes Faleiros, no residencial Primo Meneghetti, acabou caindo com a moto em um dos tantos buracos da rua. Com o impacto foi possível ver que ela bateu a cabeça no chão e ficou desacordada. Lucimar segue internada em um hospital particular da cidade.

Os buracos que provocaram o acidente de Lucimar foram fechados dois dias depois pela equipe da prefeitura.

Na manhã de quarta-feira, 15, um ciclista se acidentou na rua General Carneiro, região central da cidade. De acordo com informações do Corpo de Bombeiros, o jovem descia a rua quando perdeu o controle da bicicleta após tentar desviar de um buraco. Com a queda ele sofreu várias escoriações pelo corpo.

Já no dia 16 de janeiro, Ana Laura Ferreira, de apenas 20 anos, voltava do trabalho pela avenida Dom Pedro, no Parque Moema,  quando caiu em um buraco com sua motocicleta e teve vários ferimentos. Segundo a motociclista, o semáforo da avenida abriu e ela estava atrás de um carro. Quando percebeu já estava com a roda da moto dentro do buraco. “Tinha um carro na minha frente, o que atrapalhou minha visão para o buraco. Quando percebi já estava dentro dele. Tentei desviar, mas acabei caindo”, disse Ana Laura, que trabalha em uma fábrica de canetas.

A jovem foi socorrida com ferimentos leves, mas ficou impossibilitada de colocar o pé no chão por tempo quinze dias.

Na mesma semana, o proprietário de uma distribuidora de gás também foi um das vítimas dos mesmos buracos. Manuel Miguel, 53, estava em seu triciclo, quando uma das rodas caiu dentro do buraco. “Eu estava voltando de uma entrega quando cai nesse buraco. A roda do triciclo entrou no buraco, amassou a roda e cortou o pneu, com isso eu desequilibrei e cai. Eu só não machuquei mais porque é um triciclo” afirmou ele.

Os buracos da avenida continuaram abertos até que na tarde desta segunda-feira, 20, quando a farmacêutica Thaynara Melo, de 24 anos, seguia em direção ao trabalho e caiu em um buraco na mesma Avenida Dom Pedro I, no Nova Franca, próximo a Apae. A cratera estava cheia de água. Com o impacto no asfalto, Thaynara acabou sofrendo escoriações pelo corpo. A moto acabou também tendo avarias. “Eu estava indo para o trabalho, na Estação, quando o acidente aconteceu”, disse.

Além dos buracos abertos pela chuva e uma qualidade duvidável do asfalto, a sapateira Raquel Ribeiro da Silva, 47 anos, virou mais uma estatísticas desses números, mas agora em um buraco aberto pela Sabesp.

O acidente aconteceu quando Raquel voltava para casa depois de um dia de trabalho. Antes das 17 horas, ao passar pela Rua Minas Gerais com sua moto, ela se desequilibrou e foi parar no chão. Com ferimentos pelo corpo e estirada no chão, equipes de resgate do Corpo de Bombeiros foram acionadas. Raquel acabou socorrida e levada para atendimento médico no pronto socorro “Álvaro Azzuz”.



COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal GCN e se comprometem a respeitar o Código de Conduta On-line do GCN.

Ainda não é assinante?

Clique aqui para fazer a assinatura e liberar os comentários no site.

  • observador internacional
    24/01/2020
    kkkkkkkk
  • ALEX
    24/01/2020
    SAUDADES DO SR PREFEITO SIDNEI ROCHA,UM EXEMPLO DE PREFEITO,QUANTO AO ATUAL,PREFIRO O SILÊNCIO..VERGONHA!
  • PEDRO ROCHA
    24/01/2020
    Esse DEFEITO ATUAL,QUERO DIZER PREFEITO,É UM COMÉDIA,ELE É EXCELENTE PARA DA FESTAS PARA POBRES,ENFEITAR A CIDADE DE PAPAI NOEL..KK,E CUIDAR DO MUNÌCIPIO QUE É BOM NADA..VERGONHOSO ESSA SITUAÇAO EM NOSSA FRANCA!
Veja mais Local

CLIMA EM FRANCA

27°
18°

MAIS LIDAS

COLUNISTAS

ECONOMIA Atualizado 1 hora atrás

  • Dólar Comercial:
    Data:
  • Dólar Turismo:
    Data:
  • Euro:
    Data:

LOTERIAS Atualizado 1 hora atrás

  • Mega-Sena:
    Sorteio: Data:
  • Quina:
    Sorteio: Data: