07 de abril de 2020

Culinária

LANCHE

Tramezzini

O clássico sanduíche triangular feito com pão de forma branco e variedade de recheios pode ser consumido em toda a Itália

Culinária 25/01/2020 - Repórter: Sônia Machiavelli
Foto de: Dirceu Garcia/Comércio da Franca
O clássico sanduíche triangular feito com pão de forma branco e variedade de recheios pode ser consumido em toda a Itália, mas a tradição os atrela a Turim
"Não há boa culinária se, a princípio, ela não é feita pela amizade a quem ela se destina"
Paul Bocuse, chef francês
 
 
 
porção: 3
dificuldade: fácil
preço: econômico

Ingredientes
 
 9 fatias de pão de forma branco
 1 abobrinha italiana pequena
 6 fatias de queijo de cabra
 6 folhas de rúcula
 Maionese para untar as fatias
 Sal a gosto
 Pimenta-do-reino a gosto
 Azeite para untar frigideira
 Tomatinhos cereja para decorar
 
 

 
“I tramezzini sono un delizioso finger food, realizzati in tantissimi modi diversi, facili da preparare e molto gustosi”, é o que lhe dirá um italiano de qualquer parte do país se você lhe perguntar. O tantissimi modi diversi não é exagero: os recheios são um caso à parte, e podem ser tudo o que for de seu agrado. Não mudam o tipo de pão, que deve ser o de forma, branco, sem casca; a maionese de boa qualidade para ligar os recheios; as três camadas ou andares; o corte triangular.
 
Tomate e espinafre; ovo cozido e picado miudinho com atum; abobrinha e ricota;queijo e berinjela (neste caso tostada na chapa com sal e azeite); pepino e porcheta (forma de preparar a carne de porco tradicional na Itália); repolho (verde ou roxo, passado na chapa, só para murchar); presunto cozido e queijo; chicória e presunto cru... Esses são apenas alguns dos recheios possíveis de serem encontrados nos frescos sanduíches cujo nome tem equivalência numa expressão em português: “no meio de”. No meio de fatias de pão de forma branco e besuntadas com maionese pode ir tudo o que você imaginar- de alface a azeitona, só para ficar na letra a. Todo um abecedário gastronômico está à sua disposição.
 
Os tramezzini são encontrados em toda a Itália, mas dizem que os melhores são os de Turim, ou no original, Torino (capital do Piemonte), a quarta maior cidade do país, estando atrás apenas de Roma, Milão e Nápoles. Sua arquitetura e gastronomia requintadas a tornaram conhecida no mundo e procurada por turistas de todas as latitudes. Reza a lenda que foi em Torino que nasceram os primeiros tramezzini, sob os auspícios de Gabrielle D’Annunzio, poeta, dramaturgo e romancista que desenvolveu paralelamente à vida literária uma excêntrica carreira política. D’Annunzio quis repetir na sua pátria uma experiência gastronômica que tivera na Inglaterra com os pequenos sanduíches servidos no chá das cinco.
 
Cortados em forma triangular, como já referido, os tramezzini ficam expostos de um jeito chamativo e bonito nas vitrines dos pequenos e grandes bares, convidando os locais e os turistas como um arco-íris com suas diversas cores a exibir o de-dentro. São servidos frios, e no verão o consumo é grande. No inverno aparecem menos, e então quentes, com as fatias de pão grelhadas, bem douradinhas, para aquecer do frio.
 
O tramezzini que ilustra esta página é uma opção saudável para os dias de verão. Este janeiro quente que vai ser sucedido por um fevereiro também de altas temperaturas, conforme já avisaram os climatologistas, é propício aos sanduíches, fáceis de preparar e um dos clássicos da culinária do mundo inteiro- desde que no século XVIII, o inglês John Montagu, 4º Conde de Sandwich, jogador inveterado, sempre às voltas com apostas e competições, resolveu juntar pedaços de carne entre dois bocados de pão para poder comer sem se afastar da jogatina. Depois dele, as culturas que importariam a iguaria fariam adaptações segundo seus ingredientes e temperos peculiares.
 
Quer experimentar este fresco Tramezzini? Comece reunindo os ingredientes: fatias de pão de forma branco, sem cascas; abobrinha com casca cortada em fatias finas na vertical; fatias de queijo de cabra(que você poderá substituir por outro, também macio); folhas de rúcula bem lavadas e secas; maionese; tomatinhos cereja para decorar. Corra um fio de azeite no fundo de uma frigideira, passe um guardanapo de papel para espalhar bem. Deixe aquecer e grelhe as fatias de abobrinha, aos poucos, dourando-as de um lado e de outro. Salgue e apimente. Retire e reserve. Agora é a hora de montar o sanduíche. Passe uma camada de maionese sobre uma fatia de pão. Sobre a maionese, coloque duas fatias de abobrinha. Passe maionese sobre outra fatia de pão e coloque-a sobre a abobrinha. Em cima, folhas de rúcula e fatias de queijo de cabra. Termine com outra fatia de pão besuntada com maionese. Espete tomatinhos cereja em palitos, firme as fatias com eles, parta-as na diagonal, para que tenham a forma de triângulo. Para servir, disponha sobre uma tábua de madeira, junte as fatias de abobrinha que sobraram, alguns tomatinhos e folhas de rúcula. E buon apetito!
 
Passo a passo
 
1 - Reúna os ingredientes: pão de forma, queijo, rúcula, abobrinha, tomatinho, maionese
 
2 - Grelhe as fatias de abobrinha, depois salgue e apimente; reserve
 
3 - Sobre pão untado com maionese, coloque fatias da abobrinha
 
4 - Em seguida, fatia de pão com maionese, folhas de rúcula, fatias de queijo
 
5 - Feche com a terceira fatia de pão, firme com palito, corte de forma triangular 
 


COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal GCN e se comprometem a respeitar o Código de Conduta On-line do GCN.

Ainda não é assinante?

Clique aqui para fazer a assinatura e liberar os comentários no site.

Veja mais Receitas da Sônia

CLIMA EM FRANCA

29°
19°

MAIS LIDAS

COLUNISTAS

ECONOMIA Atualizado 1 hora atrás

  • Dólar Comercial:
    Data:
  • Dólar Turismo:
    Data:
  • Euro:
    Data:

LOTERIAS Atualizado 1 hora atrás

  • Mega-Sena:
    Sorteio: Data:
  • Quina:
    Sorteio: Data: