30 de março de 2020

Esporte

PAULISTA

Palmeiras desperdiça chances de gol e fica no 0 a 0 contra a Inter de Limeira

Com o resultado, o time do técnico Vanderlei Luxemburgo chega ao terceiro jogo sem vitória no Paulistão

Esporte 15/03/2020 - Repórter: Agência Estado
Foto de: Divulgação
O Palmeiras criou, desperdiçou algumas chances, parou no goleiro Rafael Pin em outras e mesmo com um jogador a mais durante quase todo o segundo tempo apenas empatou por 0 a 0 contra a Inter de Limeira, neste sábado, no estádio Major Levy Sobrinho, em Limeira (SP), pela 10.ª rodada do Campeonato Paulista.

Com o resultado, o time do técnico Vanderlei Luxemburgo chega ao terceiro jogo sem vitória no Paulistão, após os empates contra Santos e Ferroviária. A igualdade leva o Palmeiras aos 19 pontos, mesma pontuação do Santo André, na segunda colocação do Grupo B. O time do ABC leva vantagem por ter uma vitória a mais: 6 a 5. Já a Inter de Limeira sobe para 11, na terceira posição do Grupo C.

Na 11.ª e penúltima rodada da fase de classificação, o Palmeiras busca antecipar a classificação às quartas de final no clássico contra o Corinthians, no próximo dia 22, domingo, na Arena Corinthians, em São Paulo, até o momento com portões fechados.

O empate sem gols não refletiu a superioridade do Palmeiras nos dois tempos. Na etapa inicial foram quatro chances reais desperdiçadas - com Luiz Adriano, Bruno Henrique, Rony e Dudu. O time de Vanderlei Luxemburgo poderia ter descido ao vestiário no intervalo já com a vitória encaminhada.

Apesar de não balançar as redes, o Palmeiras criou na primeira etapa. E com diversidade. Ora explorando o lado direito com o lateral Marcos Rocha, apoiado por Ramires e a velocidade de Willian. Ora pela esquerda, com Dudu e Rony.

Pior mandante do Paulistão até então (uma vitória e três derrotas), e sem vencer há quatro rodadas, a Inter de Limeira não se expôs. Adotou uma postura cautelosa e optou por jogar atrás da linha da bola, congestionando seu setor defensivo em muitos momentos com oito jogadores. Mesmo com poucos espaços no ataque o Palmeiras deu trabalho. Com a posse de bola se mostrou rápido na movimentação e troca de passes. A ponto de transformar o goleiro Rafael Pin no melhor jogador da partida.

No setor defensivo, o Palmeiras não levou sustos. O zagueiro Vitor Hugo, que substituiu o paraguaio Gustavo Gómez (suspenso) deu conta do recado. A exceção foi Felipe Melo. Não sob o aspecto técnico, mas disciplinar.

O time de Limeira reclamou, e com fundamento, a não expulsão do jogador. Nos primeiros minutos, após acertar o rosto de Lucas Braga não foi advertido com o amarelo. No final, deu uma entrada forte em Tcharlles e recebeu o cartão. Pendurado durante toda a etapa final, teve que ser cauteloso.

A melhor chance do Palmeiras na primeira etapa foi com Dudu, que, já nos acréscimos, acertou a trave de Rafael Pin. A bola correu por trás do goleiro caído no gramado e saiu pela linha de fundo. Ninguém de uniforme verde chegou a tempo para empurrar a bola para as redes.

No intervalo, Luxemburgo sacou a dupla de volantes Bruno Henrique e Ramires e o panorama da primeira etapa se repetiu na segunda: o Palmeiras atacando e a Inter de Limeira se defendendo Dudu continuou dando trabalho a Rafael Pin. No primeiro lance da segunda etapa, obrigou o goleiro da casa a buscar no ângulo um chute de fora da área.

Após os 7 minutos, o Palmeiras ficou com um jogador a mais, depois que Airton Moisés, que já tinha cartão amarelo, ser expulso por falta violenta em Matías Viña.

Em desvantagem numérica no gramado, a Inter de Limeira se fechou ainda mais e atraiu o Palmeiras para seu campo. E, em um cenário semelhante ao primeiro tempo, começou a parar nas boas defesas de Rafael Pin - primeiro em um voleio de Lucas Lima; depois em um chute forte de Rony.

Nos minutos finais, o que se viu foi um jogo de ataque contra defesa. A Inter de Limeira tentando segurar um ponto e o Palmeiras pressionando em busca da vitória. Vitor Hugo, de cabeça, perdeu uma chance. Zé Rafael, cobrança falta, desperdiçou outra.

Em um confronto onde uma vitória (até por goleada) do Palmeiras seria o resultado normal, o time de Luxemburgo saiu com o gosto amargo do empate, o que deixou o técnico irritado na beirada do gramado. Nos acréscimos, Marcos Rocha ainda teve tempo fazer uma falta dura e acabou recebendo o cartão vermelho.

FICHA TÉCNICA

INTER DE LIMEIRA 0 x 0 PALMEIRAS

INTER DE LIMEIRA - Rafael Pin; Léo, João Victor, Jean Pablo e Jonathan (Lucas Balardin); Marquinhos, Thomaz (Nata Alvarenga) e Murilo Rangel (Daniel Vançan); Lucas Braga, Airton Moisés e Tcharlles. Técnico: Elano.

PALMEIRAS - Weverton; Marcos Rocha, Felipe Melo, Vitor Hugo e Viña; Bruno Henrique (Patrick de Paula), Ramires (Zé Rafael) e Dudu; Willian, Rony e Luiz Adriano (Lucas Lima). Técnico: Vanderlei Luxemburgo.

CARTÕES AMARELOS - Murilo Rangel (Inter de Limeira); Felipe Melo, Bruno Henrique, Ramires e Lucas Lima (Palmeiras).

CARTÕES VERMELHOS - Airton Moisés (Inter de Limeira); Marcos Rocha (Palmeiras).

ÁRBITRO - Vinicius Furlan.

RENDA E PÚBLICO - Não disponíveis.

LOCAL - Estádio Major Levy Sobrinho, em Limeira (SP).



COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal GCN e se comprometem a respeitar o Código de Conduta On-line do GCN.

Ainda não é assinante?

Clique aqui para fazer a assinatura e liberar os comentários no site.

Veja mais Futebol

CLIMA EM FRANCA

28°
18°

MAIS LIDAS

COLUNISTAS

ECONOMIA Atualizado 1 hora atrás

  • Dólar Comercial:
    Data:
  • Dólar Turismo:
    Data:
  • Euro:
    Data:

LOTERIAS Atualizado 1 hora atrás

  • Mega-Sena:
    Sorteio: Data:
  • Quina:
    Sorteio: Data: