03 de julho de 2020

Opinião

A Fidelidade de Abraão

Opinião 28/06/2020 -

“Agora sei que temes a Deus e não me negaste o teu filho, o teu único”.
(Gênesis 22.12)

Quem conhece a história de Abraão, sabe o quanto almejou ter um filho, e todas as tribulações que enfrentou deste a promessa de Deus, de fazê-lo pai de uma grande nação. Setenta e cinco anos, era a sua idade, quando Deus fez a promessa. Teve que esperar vinte quatro anos para ver cumprida a promessa de Deus. Porém, quando Abraão e sua esposa Sara, desfrutava a fase mais bonita de suas vidas, ao lado de Isaque, chega Deus para Abraão e faz o seguinte pedido: “Toma agora o teu filho, o teu único filho, Isaque, a quem amas, e vai-te à terra de Moriá; e oferece-o ali em holocausto sobre uma das montanhas, que eu te direi” (Gênesis 22.2). Ah! que pedido difícil de atender! Mas é aí que Abraão prova, porque é considerado o nosso pai na fé. Sem questionar a Deus, pega o garoto, e alguns empregados e tudo o que precisava para o sacrifício, e ruma para o lugar determinado por Deus. Nem uma palavra de queixa ou desesperança durante a jornada, apenas a pergunta do filho – “Pai, onde está o cordeiro para o holocausto?” A resposta do pai ecoa pelos séculos como prova maior de uma fé inabalável diante de quaisquer circunstâncias – “O Senhor proverá meu filho!” A sua fé era tão grande, que segundo a Bíblia, Abraão tinha a convicção que até das cinzas, Deus poderia ressuscitar Isaque. O final da história, nós conhecemos. Toda aquela situação era apenas um teste de fidelidade, e ele passou no teste. Assim tornou-se Abraão o “pai da fé” por excelência, e na sua descendência, tornaram-se benditas todas as nações!

Portanto caros leitores, tiremos os olhos do que para trás ficam e durante a íngreme subida, olhemos para o alto, como quem já avista o cordeiro. Jamais subamos como murmuradores hábeis em medir o tamanho do nosso “sacrifício de cada dia”. Obedeçamos com fé e sem resquícios de lamentação aquele que por amor a nós realizou o sacrifício maior, sem olhar pra trás. Exerçamos com fé, a grande missão concebida pelo Pai Celeste, buscando primeiro o seu reino, e tendo a certeza, que as demais coisas, nos serão acrescentadas.

Deus vos abençoe.

 


COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal GCN e se comprometem a respeitar o Código de Conduta On-line do GCN.

Ainda não é assinante?

Clique aqui para fazer a assinatura e liberar os comentários no site.

Veja mais Pastor Isaac Ribeiro

CLIMA EM FRANCA

26°
12°

MAIS LIDAS

COLUNISTAS

ECONOMIA Atualizado 1 hora atrás

  • Dólar Comercial:
    Data:
  • Dólar Turismo:
    Data:
  • Euro:
    Data:

LOTERIAS Atualizado 1 hora atrás

  • Mega-Sena:
    Sorteio: Data:
  • Quina:
    Sorteio: Data: