20 de setembro de 2020

Franca

GREVE

Funcionários dos Correios protestam no Centro da cidade

Com a greve prestes a completar um mês, o que ocorre na próxima quinta-feira, 17, os trabalhadores ainda lutam para que direitos como o adicional de 30% de adicional de risco, vale-alimentação, licença-maternidade de 180 dias, auxílio-creche, indenização por morte e auxílio para filhos com necessidades especiais sejam reinseridos no contrato.

Franca 4 dias atrás
Lucas Faleiros
da Redação
Os funcionários dos Correios de Franca e de várias outras cidades da região se reuniram nesta terça-feira, 15, na praça Nossa Senhora da Conceição, em frente à concha acústica, para protestar contra a retirada de benefícios sociais do acordo coletivo da empresa.

Com a greve prestes a completar um mês, o que ocorre na próxima quinta-feira, 17, os trabalhadores ainda lutam para que direitos como o adicional de 30% de adicional de risco, vale-alimentação, licença-maternidade de 180 dias, auxílio-creche, indenização por morte e auxílio para filhos com necessidades especiais sejam reinseridos no contrato.

O funcionário da empresa e diretor sindical Jackson Vieira afirma que o trabalho dos entregadores foi, de certa forma, tratado com menos importância do que merecia. “Nós estamos parados e pretendemos intensificar ainda mais essa paralisação. Tínhamos um acordo com a empresa e ele não foi cumprido. O trato foi rompido na pandemia, momento em que nós mais precisávamos de uma base. Fora isso, nossa classe é um serviço essencial. Era para estarmos em atividade agora e sabemos o quão importante é esse nosso trabalho. Queremos voltar e fazer isso todos os dias, mas com os nossos direitos garantidos”.

Jackson também comentou sobre o julgamento do dissídio coletivo e reafirmou que ele e seus companheiros não estão buscando aumentos salariais. “A gente perdeu muita coisa importante quando alteraram o acordo coletivo. Foram vários auxílios e benefícios. Vale relembrar que só queremos a reinserção deles no acordo. Não estamos buscando reajustes salariais. Estamos ansiosos e otimistas para o julgamento”.

A decisão de julgar o dissídio coletivo da greve foi tomada pelo Tribunal Superior do Trabalho após várias reuniões entre ambas as partes serem encerradas sem uma resolução. O julgamento acontece na próxima segunda-feira, 21.



COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal GCN e se comprometem a respeitar o Código de Conduta On-line do GCN.

Ainda não é assinante?

Clique aqui para fazer a assinatura e liberar os comentários no site.

  • darsio
    4 dias atrás 24 Curtiram
    Essa é a realidade. Ao passo que o posto Ipiranga do governo bozo pretende em sua reforma administrativa, manter os privilégios das elites do funcionalismo público (juízes, militares de alta patente, parlamentares e procuradores), ele procura detonar com o funcionalismo público que realmente tem relevância para a sociedade. E, o povão aplaude de pé! Mesmo sabendo que, serviços prestados pelos funcionários dos Correios, médicos, enfermeiros e professores, são de muita, mas muito mais relevância para as suas vidas. Eita país de abestados é esse Brasil! Força funcionários dos Correios! Vocês merecem ser valorizados!
    • PHABLO ROBERTO DE FARIA
      4 dias atrás 6 Curtiram
      Pode ter certeza que se os correios fossem da iniciativa privada, os serviçoes seriam prestados da mesma forma e com custo bem mais baratos. Tudo que o governo poe a mão estraga.Como pode uma empresa que tem clientes no Brasil inteiro e não consegue dar lucro? Simples...altos salários, cabide de emprego e gente acomodada...que sabe que não perderá o emprego e assim presta a maravilha de serviço que estamos acostumados quando o serviço é publico.
    • Paulo
      3 dias atrás 1 Curtiu
      Phablo, mais barato onde? Você já tentou usar o servido da FedEx? Sim, ela trabalha no Brasil. Faça uma simulação, compare o preço e depois você vem me contar. Privatização por causa de altos salários, de quem? Do carteiro ou do atendente administrativo que não é. Aposto que é dos indicados do governo que você votou e defende. Agora, o correto é ter um governo honesto e acabar com o cabide de emprego ou privatizar e mandar embora vários trabalhadores que realmente pegam no batente? Se os governos fossem menos corruptos as Estatais estariam funcionando perfeitamente, afinal são os concursados que fazem a roda girar, os cargos de confiança que sobrecarregam essas empresas.
  • PHABLO ROBERTO DE FARIA
    4 dias atrás 13 Curtiram
    Cadê a privatização dos correios? Se fosse uma empreza privada a greve não durava 1 semana
    • darsio
      4 dias atrás 2 Curtiram
      Eita inveja! Ou seria medo de encarar um concurso público?
  • Wilson Silva
    4 dias atrás 9 Curtiram
    Tem que privatizar mesmo o governo está certo quem quiser trabalhar fica, oos que não querem trabalhar manda embora, olha o transtorno e o prejuízo pra pessoas de bem que esses carteiros estão causando, depois que acabar essa bagunça ainda vão querer receber os dias parados.
    • darsio
      4 dias atrás 2 Curtiram
      É verdade! Tem que ser igual na iniciativa privada. Ou seja, devemos defender a redução dos salários, a extinção de direitos trabalhistas e, se achar ruim: RUA! E, como cereja no bolo, aumentar as tarifas dos serviços, pois certamente elas devem estar a disposição dos lucros de seus acionistas!
  • ALEXANDRE CESAR LIMA DINIZ
    4 dias atrás 9 Curtiram
    Logo, logo vão estar todos vivendo a alegria de serem microempresário com suas motos e jornada de 14 horas. E quando se acindentarem não faltará sarjeta para esmolar.
    • darsio
      4 dias atrás
      É verdade! Podiam ter feito como muitos, ou seja, não ter estudado e muito menos ter tido a coragem de enfrentar um concurso público. Caia na real! Desde quando aqueles que vão atrás de oportunidades e por elas se preparam devem ter o mesmo peso daqueles que, certamente em uma sala de aula apenas debochavam do professor ou que não dava a mínima importância para a aprendizagem?
  • darsio
    4 dias atrás 1 Curtiu
    Criticam os funcionários dos correios que lutam pelos seus direitos, aqueles que não tiveram competência e capacidade para serem aprovados em um concurso público. Um bando de frustrados!
    • PHABLO ROBERTO DE FARIA
      3 dias atrás 2 Curtiram
      Diferentes de você Darsio...a maioria aqui na página não está á procura de uma teta pra mamar...a maioria aqui é trabalhador e não aguenta mais a mamata do funcionarismo público...se toca rapaz...
  • Privatização
    4 dias atrás 4 Curtiram
    Passa da hora de privatização até mesmo da Sabesp privatização já só no Brasil essa baderna numa pandemia acho desnecessário isso eles teria que tá pondo é a mão pro céu de tarem empregados isso sim mas não todos os anos a mesma coisa greve isso só nós prejudica a esqueci é funcionário público não pode mandar embora
  • Augusto
    4 dias atrás 5 Curtiram
    Vários setores tiveram reajustes e adequações, o meu mesmo foi afetado....nem por isso fizemos greve, tem que privatizar e acabar com palhaçada....minha opinião doa a quem doer....
  • Lucão
    4 dias atrás 5 Curtiram
    A uns 6 ou 7 anos atrás, os correios eram uma instituição com serviços impecáveis. A qualidade do serviço despencou (algumas mercadorias estragadas molhadas pela falta de cuidado, atrasos. Acho que esse monopólio dos correios passou da hora de acabar.
  • Francisco Matos
    4 dias atrás 1 Curtiu
    Não entendo o pessoal dos Correios. Gritaram em 2018 \" mito, mito, mito.. \". Agora, pessoal, basta fazer grato de ARMINHA com a mão que tudo se resolve.
    • PHABLO ROBERTO DE FARIA
      3 dias atrás 3 Curtiram
      Já faz dois anos que o Luladrão foi preso e a Dilmanta saiu da presidencia...o luto ainda não acabou? O PT tinha tanto bandido disfarçãdo que depois que a máfia saiu do poder nem invasão de terras teve mais...parece que o produtor com arminha na mão não tá deixando os vagabundos se apoderarem mais...kkk
  • Alex
    4 dias atrás 1 Curtiu
    Nosso amigo estudioso ficou bravo, acho que ele não sabe mas grandes empresas privadas fazem seleções bem rigorosas as vezes até mais difíceis que concurso público....a única diferença que no setor privado tem que realmente trabalhar e mostrar resultados..... Enquanto os inteligentíssimos concursados das estatais , podem prejudicar milhares de Brasileiros em um momento como este....que não serão demitidos.....
  • Alex
    3 dias atrás 1 Curtiu
    Caro Dada! Antes de você sair ofendendo o Alex acima, já lhe aviso que não sou eu e para evitar novas confusões à partir de hoje passarei a usar Alex.., assim espero ajudar a você não arrumar confusão com a pessoa errada. PS: Concordo plenamente com o que o Alex escreveu. KKKKKKKKKKK
Veja mais Local

CLIMA EM FRANCA

31°
21°

MAIS LIDAS

COLUNISTAS

ECONOMIA Atualizado 1 hora atrás

  • Dólar Comercial:
    Data:
  • Dólar Turismo:
    Data:
  • Euro:
    Data:

LOTERIAS Atualizado 1 hora atrás

  • Mega-Sena: 2301
    Sorteio: 17, 18, 35, 36, 47, 52 Data: 19/09/2020
  • Quina: 5370
    Sorteio: 07, 10, 29, 41, 68 Data: 19/09/2020