26 de setembro de 2020

Esporte

TUDO IGUAL

Com um a mais na Vila, Santos fica no 0 a 0 com Olimpia em volta da Libertadores

O time da casa tropeçou pela primeira vez no Grupo G em noite de muitos erros e inoperância diante da boa marcação do rival paraguaio.

Esporte 16/09/2020
Felipe Rosa Mendes
Estadão Conteúdo
Marinho atuando contra o Olimpia, pela libertadores
Com um jogador a mais durante metade do segundo tempo, o Santos não passou do 0 a 0 com o Olimpia, na Vila Belmiro, nesta terça-feira, no retorno da Copa Libertadores O time da casa tropeçou pela primeira vez no Grupo G em noite de muitos erros e inoperância diante da boa marcação do rival paraguaio.

Apesar do tropeço, o Santos segue na liderança da chave, agora com sete pontos. A segunda posição é justamente do Olimpia, com cinco. Delfín e Defensa y Justicia vão se enfrentar nesta quinta O primeiro tem um ponto e figura no terceiro posto do grupo, enquanto o segundo ainda não pontuou.

Nesta terça, o técnico Cuca teve o retorno de Raniel, liberado após testar negativo para covid-19 e cumprir quarentena. Mas o atacante mostrou falta de ritmo e não empolgou, assim como a maior parte dos jogadores santistas. O desempenho geral da equipe destoou dos últimos jogos do Brasileirão, com limitações no meio-campo e ataque.

Pela Libertadores, o Santos volta a campo na quinta-feira da próxima semana, dia 24, para enfrentar o Delfín, no Equador. O Olímpia jogará no dia anterior, 23, contra o Defensa y Justificia, fora de casa.

O jogo

Com o retorno de Raniel, o Santos foi a campo com força máxima nesta terça. Mas a volta da equipe à Libertadores não foi exatamente como a torcida esperava no primeiro tempo. Sem criatividade, a equipe da casa fez um duelo truncado, concentrado no meio-campo e de raras emoções.

Maior esperança do Santos, Marinho era muito bem marcado. Precisava voltar quase na defesa para armar as jogadas, sem sucesso. Também não ajudava o time da casa a postura do árbitro uruguaio Leodán González, que marcava poucas faltas e deixava a bola rolar, apesar de lances mais ríspidos. O jogo perdia em termos técnicos quanto disciplinares.

Desta forma, o Olímpia conseguia impor até com certa tranquilidade sua estratégia de jogar na retranca, à espera do contra-ataque. O time paraguaio talvez só não tenha sido bem-sucedido na etapa inicial porque o veterano Roque Santa Cruz, única opção mais avançada da equipe, foi substituído logo aos 17 minutos, sem maiores explicações.

Mesmo sem a principal estrela do time, o Olímpia criou duas boas chances de gol e o goleiro João Paulo precisou fazer boas intervenções para evitar o gol paraguaio. Do outro lado, o Santos só criou, de fato, uma grande oportunidade. Foi ais 37, quando uma rápida triangulação pela esquerda deixou Soteldo livre dentro da área. Ele bateu rasteiro, acertando o pé da trave esquerda do goleiro Azcona.

Depois do primeiro tempo morno, o Santos tentou acelerar o jogo no início da segunda etapa. Foi para cima, buscou mais o ataque, mas seguia com a dificuldade de superar a bem armada defesa paraguaia. O time da casa não encontrava espaços e praticamente só ameaçava na bola parada, principalmente nos escanteios.

Nem mesmo a expulsão do volante Rojas aos 22 minutos abriu espaço no campo adversário. Os anfitriões eram lentos e previsíveis. Incomodado, Cuca tentou mudanças, ao colocar Lucas Lourenço e Marcos Leonardo, este na vaga do apagado Raniel. Depois, Madson e Jean Mota tampouco conseguiram alterar o panorama do jogo, que terminou sem gols e sem qualquer motivo para empolgação.



COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal GCN e se comprometem a respeitar o Código de Conduta On-line do GCN.

Ainda não é assinante?

Clique aqui para fazer a assinatura e liberar os comentários no site.

Veja mais Futebol

CLIMA EM FRANCA

35°
24°

MAIS LIDAS

COLUNISTAS

ECONOMIA Atualizado 1 hora atrás

  • Dólar Comercial:
    Data:
  • Dólar Turismo:
    Data:
  • Euro:
    Data:

LOTERIAS Atualizado 1 hora atrás

  • Mega-Sena: 2303
    Sorteio: 03, 07, 17, 20, 48, 50 Data: 26/09/2020
  • Quina: 5375
    Sorteio: 05, 14, 39, 47, 79 Data: 25/09/2020