24 de outubro de 2020

Franca

CASO WESLEY

Pai de Wesley presta depoimento: 'Eles não perguntaram muitas coisas, não'

Wesley Alves disse que foi à delegacia praticamente para assinar documentos sem ser submetido a um grande interrogatório.

Franca 28/09/2020
N. Fradique
da Redação
Reprodução
Wesley Alves Filho está desaparecido há exatamente um mês
O pai do garoto Wesley Alves Filho, desaparecido exatamente há um mês, prestou depoimento à Polícia Civil, nesta segunda-feira, 28, na DIG (Delegacia de Investigações Gerais). 
 
Wesley Alves disse que foi à delegacia praticamente para assinar documentos sem ser submetido a um grande interrogatório. “Lá no depoimento, eles (polícia) não questionaram muitas coisas, não. Porque, na verdade, eu já tinha prestado um depoimento, então eles só fizeram um papel pra eu assinar. Mas perguntaram a hora que eu saí de casa, como Wesley estava. Se ele tinha apresentado algum problema. Se tinha acontecido algo. Se tínhamos discutido com ele, alguma coisa assim. Só essas coisas, não teve nada demais, de diferente não. Nada, nada, nada”, disse o pai do adolescente, que desapareceu de sua casa no Jardim Aeroporto I, no dia 28 de agosto.
 
Wesley acrescentou que a polícia garantiu que segue trabalhando para solucionar o caso. “A polícia me disse que continua investigando. Que eles traçam sua linha de investigação e que têm uma maneira de trabalhar, que eles não estão parados, não.”
 
O pai do menino reafirmou que não consegue ficar em casa, esperando uma notícia. Por isso, segue procurando pelo filho em várias partes de Franca e região, principalmente na zona Sul da cidade. “Estou atrás de informações e de pistas do meu filho. Todos os dias eu vou nas fazendas, procuro estradas, mas não temos notícias, não temos vestígios, não temos fotos nem imagens. Peço para que, se alguém tiver alguma pista concreta, que nos passe pra gente ir atrás. Coloco meus joelhos todos os dias no chão e peço a Deus que ele (Wesley) esteja bem e que a gente possa encontrá-lo pra termos nossa família completa novamente e seguir em frente.”


COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal GCN e se comprometem a respeitar o Código de Conduta On-line do GCN.

Ainda não é assinante?

Clique aqui para fazer a assinatura e liberar os comentários no site.

  • Alice
    28/09/2020 4 Curtiram
    A polícia tinha que perguntar para quem a família contou a história do histórico do celular, antes do sumiço do menino. Para mim, alguém achou que ia ser desmascarado e evitou que o menino contasse para os pais o motivo da curiosidade. Isso pode ser aliciamento de alguém.
  • Daniel
    28/09/2020
    A cada dia fico mais surpreso com a qualidade das materias publicadas pelo gcn. Olha, que jornal de primeira. Parabéns.
  • Daniel
    29/09/2020 1 Curtiu
    Padrao folha de Sao Paulo, Estadao. É muita qualidade de cobertura.
  • Lourdes
    29/09/2020 2 Curtiram
    Alice É VERDADE A MÃE FALOU QUE VIU ALGO QUE NÃO ACHOU CERTO E TOMOU O CELULAR O QUE FOI NÃO SEI MAS ELE PODE TER INDO AO ENCONTRO SEI LA SÓ ESTOU TORCENDO PELA VOLTA DELE
  • Alex
    29/09/2020
    Nossa, como faco para assinar o jornal?
Veja mais Local

CLIMA EM FRANCA

20°
18°

MAIS LIDAS

COLUNISTAS

ECONOMIA Atualizado 1 hora atrás

  • Dólar Comercial:
    Data:
  • Dólar Turismo:
    Data:
  • Euro:
    Data:

LOTERIAS Atualizado 1 hora atrás

  • Mega-Sena: 2311
    Sorteio: 03, 05, 09, 35, 43, 60 Data: 22/10/2020
  • Quina: 5398
    Sorteio: 09, 14, 37, 54, 80 Data: 23/10/2020