01 de dezembro de 2020

Franca

UTI

Secretário de Saúde alega mal-entendido e diz que Sta. Casa recusa vagas em UTIs gerais

José Conrado Netto disse que a lotação é nos leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) gerais e não para pacientes com confirmação ou suspeita de coronavírus.

Franca 21/10/2020
Heloísa Taveira
da Redação
Dirceu Garcia/GCN
‘A Santa Casa não está aceitando ninguém, diz que está lotada’, afirma Netto
Atualizada às 20h09

Após afirmar na manhã desta quarta-feira, 21, que a Santa Casa não aceita mais nenhum paciente, o secretário de Saúde, José Conrado Netto, mudou a versão e disse que houve um mal-entendido. Na tarde de hoje, ele afirmou que a lotação é nos leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) gerais e não para pacientes com confirmação ou suspeita de coronavírus.

“A Santa Casa não está aceitando ninguém, diz que está lotada. Já notificamos a situação ao DRS para tomar uma decisão de onde levar esses pacientes, pois a Santa Casa não aceita, mas também não nega a ficha”, disse Netto pela manhã, que afirmou depender das vagas do Estado.

No meio da tarde de hoje, o secretário procurou a reportagem para informar que ele se referia aos leitos gerais, e não aos específicos para pacientes da covid-19.

Sobre o idoso de 71 anos que morreu no pronto-socorro com covid, o secretário disse que não houve recusa de vaga. “A Santa Casa foi informada sobre o paciente às 15h45 de sábado e eles confirmaram (a vaga) às 18 horas, mas o idoso faleceu antes, às 17 horas”, afirmou.

Já sobre a recusa de vagas em leitos de UTI geral, apesar de o grupo Santa Casa não emitir nenhum comunicado à imprensa nem responder às solicitações do GCN, internautas confirmam a informação do secretário.

“Infelizmente a realidade é dolorida. Minha tia ficou na semana passada por mais de 30 horas na UPA do Jardim Aeroporto esperando uma vaga para ser internada na Santa Casa”, escreveu Renilda Gomes.

Edson Gaia também fala sobre a falta dos leitos. “A situação na Santa Casa de Franca continua lamentável e desesperadora como era há anos. Por falta de leitos para as outras doenças (que não são Covid-19), minha cunhada ficou três dias no ‘Álvaro Azzuz’ com infecção nos rins, aguardando um leito.”



COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal GCN e se comprometem a respeitar o Código de Conduta On-line do GCN.

Ainda não é assinante?

Clique aqui para fazer a assinatura e liberar os comentários no site.

  • Elani
    21/10/2020 1 Curtiu
    Cadê o ministério público ,cadê a promotoria de justiça pra investigar o caso .familias perdendo os seus ente queridos .E secretaria de Saúde jogando pra Santa casa .Santa casa jogando pra secretaria de saúde .Como fica essa situação quem respondi a todo esse caos .tá de brincadeira a justiça na nossa cidade que fica vendo e ouvindo uma reportagem dessa e não toma atitude .Quantos mais. Vão morrer por falta de socorro
  • Paula
    21/10/2020 3 Curtiram
    Absurdo
  • Kkk
    21/10/2020 1 Curtiu
    Cadê as verba q os deputados mandou cadê o ministério público pra fiscalizar a santa casa
  • Gerardo prado
    21/10/2020
    Cade o jubileu? Gerardo pelotao? Luzia pra botar esse secretario de saude para correr??? cade?? ja se foram...e agora a culpa e da Santa Casa???
  • Marcio
    22/10/2020 1 Curtiu
    Fiquem todos tranquilos as eleições estão aí agora todos vão resolver o problema da saúde segurança. Depois que ganham nem lembram do povo só neles mesmos
  • Elenice
    23/10/2020
    Então vamos cobrar solução para esse problema de todos, O prefeito que não investiu em um hospital de campanha para a cidade de Franca, agora o caos aumenta. Vamos cobrar da população que não se cuida, e se expõe desnecessariamente, vejo todos os dias gente nas ruas sem máscara, e sem nenhum distânciamento social, esse aumento de pessoas infectadas por covid afeta todas as outras que precisam de assistência hospitalar por outras doenças. Antes da pandemia a crise hospitalar já era grande, agora então é muito pior. E O QUE MAIS REVOLTA É VER TANTA GENTE SEM AMOR, SE CONTAMINANDO E DISSEMINANDO A COVID, tudo isso tendo máscaras e álcool gel a disposição de todos. Portando a culpa não é só das autorizadas, o povo precisa entender e fazer a sua parte, votar direito, e aderir a nova realidade MÁSCARA, DISTANCIAMENTO SOCIAL E HIGIENIZAÇÃO DAS MÃOS.
Veja mais Local

CLIMA EM FRANCA

31°
19°

MAIS LIDAS

COLUNISTAS

ECONOMIA Atualizado 1 hora atrás

  • Dólar Comercial:
    Data:
  • Dólar Turismo:
    Data:
  • Euro:
    Data:

LOTERIAS Atualizado 1 hora atrás

  • Mega-Sena: 2318
    Sorteio: 28, 44, 52, 54, 58, 60 Data: 14/11/2020
  • Quina: 5418
    Sorteio: 22, 35, 44, 53, 66 Data: 17/11/2020