01 de dezembro de 2020

Franca

ALERTA

Mais de 500 acidentes com escorpiões são registrados em Franca; calor propicia aparecimento do animal

Vigilância Sanitária chama a atenção da população para o aparecimento de insetos. Barreiras devem ser a primeira opção no combate. O veneno, caso utilizado de maneira incorreta, pode fazer efeito contrário.

Franca 27/10/2020
Lucas Faleiros
da Redação
Arquivo/GCN
Escorpiões amarelos são os que mais apresentam riscos
Com a chegada do período de chuvas e calor, muito comuns nos três últimos meses do ano, a incidência de ocorrências envolvendo escorpiões e alguns insetos peçonhentos aumenta consideravelmente em Franca. Só neste ano, Franca registrou 506 acidentes com escorpiões.

Felipe Granzotti, chefe da Vigilância, diz que o órgão já atendeu muitas casas por conta dos aracnídeos. “Com as chuvas mais intensas e o tempo quente, a tendência é mesmo que o número de chamados na Vigilância Sanitária em decorrência dos aparecimentos de escorpiões aumente. Em 2020, nós já realizamos 287 atendimentos. Acidentes, já foram registrados mais de 500.”

Segundo ele, os pequenos detalhes são os mais importantes e a população deve redobrar a sua atenção para combater o escorpião. “Antes de vestir qualquer roupa, calçar qualquer sapato ou tênis, a gente pede que as pessoas verifiquem se não há nada dentro. São ações simples, como sacudir os lençóis antes de se deitar, que fazem toda a diferença. Nós reforçamos os pedidos para que a população não deixe em seus jardins, quintais ou ruas nenhum item, objeto, lixo ou até comida que possa se tornar um esconderijo para estes animais.”

“Historicamente na cidade, nós temos os maiores problemas com os escorpiões amarelos - Tityus serrulatus. Eles têm como habitat mais comum a rede de esgoto, o que facilita seu acesso às residências. Então, mais uma recomendação que fazemos às pessoas é que elas deixem, à frente de possíveis entradas que esses animais possam utilizar, algum tipo de barreira. Assim, a passagem deles é dificultada. Essas barreiras são coisas básicas, como os ralos de pia, chuveiros e tanques. Isso é muito importante para inibirmos a entrada dos escorpiões e mais eficiente do que o uso do veneno, que, se não utilizado corretamente, pode fazer o efeito contrário, aumentando o aparecimento deles”, diz Granzotti.

Vale lembrar que no final de 2019 uma criança morreu em Franca após ser picada por um escorpião. João Gabriel Borges da Silva, à época com 3 anos de idade, foi picado no lado esquerdo do peito e veio a óbito oito dias após.



COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal GCN e se comprometem a respeitar o Código de Conduta On-line do GCN.

Ainda não é assinante?

Clique aqui para fazer a assinatura e liberar os comentários no site.

Veja mais Local

CLIMA EM FRANCA

31°
19°

MAIS LIDAS

COLUNISTAS

ECONOMIA Atualizado 1 hora atrás

  • Dólar Comercial:
    Data:
  • Dólar Turismo:
    Data:
  • Euro:
    Data:

LOTERIAS Atualizado 1 hora atrás

  • Mega-Sena: 2318
    Sorteio: 28, 44, 52, 54, 58, 60 Data: 14/11/2020
  • Quina: 5418
    Sorteio: 22, 35, 44, 53, 66 Data: 17/11/2020