20 de janeiro de 2022

Franca

CASO ALAN DIEGO

Testemunhas afirmam que rapaz foi morto com tiros nas costas

De acordo com pessoas que presenciaram a cena, Alan fugiu na hora da abordagem, mas já tinha se rendido, quando teria levado diversos tiros nas costas.

Franca 03/02/2021
Heloísa Taveira
da Redação
Dirceu Garcia/GCN
Padaria na Vila Sebastião, onde o rapaz estava usando o wi-fi.
A reportagem do GCN esteve na Vila São Sebastião na manhã desta quarta-feira, 3, próximo ao local em que o rapaz de 23 anos foi morto a tiros pela Polícia Militar na noite de terça-feira, 2. Os detalhes do que aconteceu ainda estão sendo apurados, mas testemunhas que presenciaram a cena afirmam que Alan Diego foi morto com tiros nas costas.

Kaique Henrique da Silva, de 20 anos, estava no local e viu toda a ação. “O Alan estava sentado aqui (na porta da padaria) e nós ali. Aí a viatura chegou e abordou ele, ele saiu correndo. Quando foi em direção à rodovia, começaram a dar tiros nele”, disse Kaique. Segundo o jovem, o primeiro disparo só atingiu Alan quando ele estava próximo à rodovia Cândido Portinari.

“Nisso ele caiu no chão e os policiais foram até ele e pediram para levantar a camisa. O Alan disse: ‘Perdi, senhor, perdi. Aí os policiais mandaram ele virar de costas e dispararam um tanto de tiro”, completou Kaique, que estava próximo ao pontilhão. “Ele não estava armado. Os ‘cara’ nem esperou ele virar e já dispararam.”

Iranoberte Ribeiro Teles, também de 20 anos, mora ao lado de onde tudo aconteceu e afirmou que as bombas lançadas pela polícia foram parar dentro da sua casa. “A polícia deu tiros no menino e a população se aglomerou, mas não tinha motivos deles jogarem bomba, porque o pessoal só queria que a mãe fosse lá ver o menino”, disse.

O gás usado para afastar as pessoas do local chegou até a residência do rapaz, que tem mãe cadeirante e irmãs com problemas respiratórios. “Olha a humilhação que nós passamos. O moleque também é amigo nosso. Ele estava sentado e a polícia chegou dando tiro, pediu para virar de costa e deu tiro. Não precisava ter feito isso.”

A irmã de Alan, Amanda Ferreira, relembrou detalhes da tarde de ontem. “Assim que chegou do trabalho, ele veio na casa da minha mãe e perguntou se ela podia fazer janta e que ia sair para comprar um gás de cozinha para a casa dele, mas que já retornaria. Nisso, ele passou na padaria que tem ali perto do pontilhão. Lá ficam várias pessoas usando o wi-fi e ele também parou para pegar”, disse.

Amanda disse que assim que os policiais chegaram, eles gritaram ‘perdeu, perdeu’, para o seu irmão. “Ele ficou desesperado e saiu correndo em direção ao pontilhão. Nisso, os policiais dispararam três vezes e ele desceu a grama para atravessar a avenida (rodovia). Quando ele já estava atingido, ele disse: ‘Senhor, eu entendi, eu me rendo'.”

De acordo com a versão da irmã, ele levantou as mãos para cima e era visível que não possuía nenhuma arma. “Falaram que já que ele se rendeu, era para virar de costas. No que ele virou, deram oito tiros nas costas dele. A polícia está alegando que ele estava com arma de fogo, mas ele não estava. Ele estava trabalhando.” 
 
Amanda pediu justiça e afirmou que toda família quer entender tudo o que aconteceu. “Ele já fez coisas erradas na vida, sim, mas ele consertou a vida. Estava trabalhando registrado em uma empresa, tem duas crianças para cuidar”, disse. “Eles acabaram com um sonho, não só do menino, mas de toda uma família. É mais um negro que eles matam e fica tudo certo.”

O caso está sendo investigado pela DIG (Delegacia de Investigações Gerais) de Franca.


COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal GCN e se comprometem a respeitar o Código de Conduta On-line do GCN.

Ainda não é assinante?

Clique aqui para fazer a assinatura e liberar os comentários no site.

  • PHABLO ROBERTO DE FARIA
    31/12/1969 21 Curtiram
    Gente....pelo amor de Deus...vamos parar de proteger vagabundo...o cara não tava com uma biblia na mão...era uma arma...raspada...o brasileiro adora inverter os valores...sinto muito pela perda da família...mas para a sociedade que paga seus impostos e trabalham 10 horas por dia...esse rapaz não fará falta nenhuma...direitos humanos é pra quem é humano direito...
  • Thiago
    31/12/1969
    Da proxima vez... é so nao correr da policia, fica a dica!
  • Gustavo
    31/12/1969 2 Curtiram
    Um absurdo, onde já se viu em uma abordagem já chegar atirando ??? isso foi execução
  • Reginaldo Assis
    31/12/1969 3 Curtiram
    Phablo, você já está morto por dentro. Não leu o que disseram as testemunhas? Ele já estava baleado e rendido, mandaram ele virar de costas e deram mais 8 tiros. Ele era um ser humano, cara. Um exemplar da sua própria espécie foi executado. 23 anos e 2 filhos.
  • Claudio Mota
    31/12/1969
    Pablo você estava lá na hora? Como sabe que ele tinha uma arma raspada? E mesmo que tivesse você acha que é certo ele ser julgado e condenado a morte ali mesmo?
  • Asdrúbal da Franca
    31/12/1969 3 Curtiram
    Seu sujeito que nem nome direito tem (Phablo é o c...), você não leu ali que não existia arma nenhuma? Não vai fazer falta nenhuma? Pergunta para mãe, irmãos, amigos se não vai? Que espécie de gente você é, seu escroto f.d.p.? Não respeita a dor da família? Um garoto de 23 anos, pelas costas!!!! Não estava com bíblia na mão? Mas também não tinha arma!! E tipos como você, que vivem de bíblia na mão e abusam de adolescentes, assediam mulheres nas ruas, enganam gente pobre e tomam dinheiro delas...Esses merecem o quê? Desculpe-me, seu GCN, mas tenho que mandar esse Phablo ir se f...! Gente assim tem que voltar para o buraco de esgoto de onde veio, já que não aprende a viver na civilização, respeitando o Estado de Direito! Phablo você é tão escroto quanto esse seu nome de merda !!!
  • darsio
    31/12/1969
    Devemos aguardar a apuração dos fatos, principalmente do médico legista, para então tirar qualquer conclusão.
  • Francano
    31/12/1969
    Quem defende a polícia nessa situação perdeu a alma. NOs vemos no inferno. Uma vida inocente perdida
  • APARECIDO DONIZETE NUNES
    31/12/1969 2 Curtiram
    Phablo cuidado com a lingua, não julgue sem conhecer sequer a vitima, e outra coisa quando sair de casa cuidado com as arvores certo.
  • JOAQUIM CAMARA FERREIRA
    31/12/1969
    A PM TEM QUE ACABAR!
  • A lei e para todos
    31/12/1969 1 Curtiu
    Pelo jeito foi plantado uma arma para incriminar o rapaz e 8 tiros e assassinato....pode processar o estado pois é causa ganha...meus sentimentos a família.....
  • JEFFERSON MARTINS LEMES
    31/12/1969
    ENTAO OS POLICIAIS DEVERIAM DEIXAR ESSE RAPAS COM UMA ARMA NA MAO ? E ISSO QUE ESTOU ENTENDENDO. PELO AMOR DE DEUS ,DEFENDER BANDIDO ,TO FORA
  • ADILSON
    31/12/1969 2 Curtiram
    O PHABLO QUEM DISSE QUE TEM UMA BIBLIA NA MAO , NÃO É BANDIDO , TEM NADA A HAVER Q SE TA FALANDO MANE , EDIR MACEDO MALAFAIA , RR SOARES ESTAO SÃO MAIORES LADROES DO BRASIL E COM UMA BIBLIA NA MAO
  • Edvar
    31/12/1969
    Tem que apurar, mas vejam o que sua irmã disse: Amanda pediu justiça e afirmou que toda família quer entender tudo o que aconteceu. “Ele já fez coisas erradas na vida, sim, mas ele consertou a vida. Estava trabalhando registrado em uma empresa, tem duas crianças para cuidar”, disse. “Eles acabaram com um sonho, não só do menino, mas de toda uma família. É mais um negro que eles matam e fica tudo certo.”
Veja mais Local

MAIS LIDAS

COLUNISTAS

ECONOMIA Atualizado 1 hora atrás

  • Dólar Comercial:
    Data:
  • Dólar Turismo:
    Data:
  • Euro:
    Data:

LOTERIAS Atualizado 1 hora atrás

  • Mega-Sena:
    Sorteio: , , , , , Data: 30/11/-0001
  • Quina:
    Sorteio: , , , , Data: 30/11/-0001