TRAGÉDIA FAMILIAR

TRAGÉDIA FAMILIAR

Filhos matam pai à facada após ele descumprir medida protetiva; eles alegam legítima defesa

Filhos matam pai à facada após ele descumprir medida protetiva; eles alegam legítima defesa

Dois jovens, um de 19 e outro de 21 anos, foram detidos no Distrito Federal depois de matarem à facada o pai, um homem de 46 anos. A Polícia Militar do Distrito Federal confirmou a reportagem que a vítima estava proibida pela Justiça de se aproximar da família depois de seguidas ameaças aos filhos e à mulher.

Dois jovens, um de 19 e outro de 21 anos, foram detidos no Distrito Federal depois de matarem à facada o pai, um homem de 46 anos. A Polícia Militar do Distrito Federal confirmou a reportagem que a vítima estava proibida pela Justiça de se aproximar da família depois de seguidas ameaças aos filhos e à mulher.

Por Wanderley Preite Filho | 18/01/2022 | Tempo de leitura: 1 min
Folha Press

Por Wanderley Preite Filho
Folha Press

18/01/2022 - Tempo de leitura: 1 min

Arquivo/Redes sociais

De acordo com os filhos, o assassinato foi em legítima defesa. Eles teriam cometido o crime depois de o pai tê-los ameaçado primeiro com uma faca, segundo o relato

Dois jovens, um de 19 e outro de 21 anos, foram detidos na noite desta sexta-feira (14) no Distrito Federal depois de matarem à facada o pai, um homem de 46 anos.

A Polícia Militar do Distrito Federal confirmou a reportagem que a vítima estava proibida pela Justiça de se aproximar da família depois de seguidas ameaças aos filhos e à mulher.

Apesar da medida protetiva, o homem teria aparecido de surpresa na casa da família por volta das 22h30 da sexta-feira, no Recanto das Emas, região administrativa do DF.

A surpresa logo se transformou na discussão que terminou em tragédia, segundo relato dos rapazes à polícia.

Enquanto ocorria a discussão, a PM recebeu uma denúncia informando que pai e filhos estavam "em vias de fato", usando facas, em uma casa na quadra 510.

Quando chegaram ao endereço, já era tarde demais. O homem já estava caído no chão, esfaqueado. Acionado, o Corpo de Bombeiros confirmou o óbito.

De acordo com os filhos, o assassinato foi em legítima defesa. Eles teriam cometido o crime depois de o pai tê-los ameaçado primeiro com uma faca, segundo o relato.

Os dois rapazes foram levados para o 27º Departamento de Polícia, no Recanto das Emas, onde o caso será investigado.

Dois jovens, um de 19 e outro de 21 anos, foram detidos na noite desta sexta-feira (14) no Distrito Federal depois de matarem à facada o pai, um homem de 46 anos.

A Polícia Militar do Distrito Federal confirmou a reportagem que a vítima estava proibida pela Justiça de se aproximar da família depois de seguidas ameaças aos filhos e à mulher.

Apesar da medida protetiva, o homem teria aparecido de surpresa na casa da família por volta das 22h30 da sexta-feira, no Recanto das Emas, região administrativa do DF.

A surpresa logo se transformou na discussão que terminou em tragédia, segundo relato dos rapazes à polícia.

Enquanto ocorria a discussão, a PM recebeu uma denúncia informando que pai e filhos estavam "em vias de fato", usando facas, em uma casa na quadra 510.

Quando chegaram ao endereço, já era tarde demais. O homem já estava caído no chão, esfaqueado. Acionado, o Corpo de Bombeiros confirmou o óbito.

De acordo com os filhos, o assassinato foi em legítima defesa. Eles teriam cometido o crime depois de o pai tê-los ameaçado primeiro com uma faca, segundo o relato.

Os dois rapazes foram levados para o 27º Departamento de Polícia, no Recanto das Emas, onde o caso será investigado.

COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal GCN e se comprometem a respeitar o Código de Conduta On-line do GCN.

Ainda não é assinante?

Clique aqui para fazer a assinatura e liberar os comentários no site.