EM OBSERVAÇÃO

EM OBSERVAÇÃO

Luciano Szafir é internado novamente após retirada de bolsa de colostomia

Luciano Szafir é internado novamente após retirada de bolsa de colostomia

Luciano Szafir voltou a ser internado após realizar uma cirurgia para a retirada da bolsa de colostomia. A assessoria de imprensa dele informou que ele permanece no hospital.

Luciano Szafir voltou a ser internado após realizar uma cirurgia para a retirada da bolsa de colostomia. A assessoria de imprensa dele informou que ele permanece no hospital.

Por Wesley Neto | 18/06/2022 | Tempo de leitura: 2 min
da Folhapress

Por Wesley Neto
da Folhapress

18/06/2022 - Tempo de leitura: 2 min

Reprodução/Redes sociais

O ator Luciano Szafir, 53, voltou a ser internado após realizar uma cirurgia para a retirada da bolsa de colostomia. Em contato com a reportagem, a assessoria de imprensa do artista informou que ele permanece no hospital Vera Cruz, em Campinas (SP), desde esta sexta-feira (17).

"Estava sentindo um incômodo e decidiu ir até o hospital", explicou a equipe do artista. André Brandalise, médico responsável por acompanhar o quadro do ator.

"O Luciano está ainda se recuperando da cirurgia complexa que fez recentemente e apresentou na sexta-feira à tarde um quadro de suboclusão intestinal", explicou o especialista.

A suboclusão intestinal, também conhecida como obstrução intestinal, ocorre quando há interferência nos impulsos que levam o bolo fecal em direção ao ânus, prejudicando ou interrompendo o trânsito no intestino. O presidente Jair Bolsonaro (PL) apresentou quadro semelhante em janeiro deste ano.

"O ator teve que ser internado para ficar em jejum e dar repouso ao intestino. Dessa forma, o órgão poderá voltar a funcionar normalmente", completou André Brandalise.

A equipe de Luciano Szafir reforça que, segundo a análise do médico responsável, o quadro é considerado estável, mas ainda sem previsão de alta.

A bolsa de colostomia foi aplicada na parede do abdômen de Luciano Szafir há dez meses por conta de complicações da Covid-19. Ele desfilou com instrumento médico na São Paulo Fashion Week em dezembro de 2021.

COMPLICAÇÕES DA COVID

Szafir foi diagnosticado com Covid-19 pela primeira vez em fevereiro de 2021. Na segunda vez, em julho de 2021, chegou a ficar na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do hospital Copa Star, no Rio de Janeiro. Ele foi transferido para o local após dar entrada no Hospital Samaritano, onde estava internado desde 22 de junho após os primeiros sintomas.

Ele passou por uma cirurgia de emergência para tratar um sangramento abdominal gerado por complicações da doença. Ao jornal O Globo, o médico do hospital Copa Star, João Pantoja disse na época que o ator teve uma embolia pulmonar antes de passar pelo procedimento. O doutor afirmou que isso ocorreu por complicações da terapia anticoagulante, o que é comum em pacientes da Covid-19.

O ator testou positivo pela terceira vez em janeiro deste ano enquanto realizava exames de rotina. Desta vez, ele ficou assintomático.

O ator Luciano Szafir, 53, voltou a ser internado após realizar uma cirurgia para a retirada da bolsa de colostomia. Em contato com a reportagem, a assessoria de imprensa do artista informou que ele permanece no hospital Vera Cruz, em Campinas (SP), desde esta sexta-feira (17).

"Estava sentindo um incômodo e decidiu ir até o hospital", explicou a equipe do artista. André Brandalise, médico responsável por acompanhar o quadro do ator.

"O Luciano está ainda se recuperando da cirurgia complexa que fez recentemente e apresentou na sexta-feira à tarde um quadro de suboclusão intestinal", explicou o especialista.

A suboclusão intestinal, também conhecida como obstrução intestinal, ocorre quando há interferência nos impulsos que levam o bolo fecal em direção ao ânus, prejudicando ou interrompendo o trânsito no intestino. O presidente Jair Bolsonaro (PL) apresentou quadro semelhante em janeiro deste ano.

"O ator teve que ser internado para ficar em jejum e dar repouso ao intestino. Dessa forma, o órgão poderá voltar a funcionar normalmente", completou André Brandalise.

A equipe de Luciano Szafir reforça que, segundo a análise do médico responsável, o quadro é considerado estável, mas ainda sem previsão de alta.

A bolsa de colostomia foi aplicada na parede do abdômen de Luciano Szafir há dez meses por conta de complicações da Covid-19. Ele desfilou com instrumento médico na São Paulo Fashion Week em dezembro de 2021.

COMPLICAÇÕES DA COVID

Szafir foi diagnosticado com Covid-19 pela primeira vez em fevereiro de 2021. Na segunda vez, em julho de 2021, chegou a ficar na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do hospital Copa Star, no Rio de Janeiro. Ele foi transferido para o local após dar entrada no Hospital Samaritano, onde estava internado desde 22 de junho após os primeiros sintomas.

Ele passou por uma cirurgia de emergência para tratar um sangramento abdominal gerado por complicações da doença. Ao jornal O Globo, o médico do hospital Copa Star, João Pantoja disse na época que o ator teve uma embolia pulmonar antes de passar pelo procedimento. O doutor afirmou que isso ocorreu por complicações da terapia anticoagulante, o que é comum em pacientes da Covid-19.

O ator testou positivo pela terceira vez em janeiro deste ano enquanto realizava exames de rotina. Desta vez, ele ficou assintomático.

COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal GCN e se comprometem a respeitar o Código de Conduta On-line do GCN.

Ainda não é assinante?

Clique aqui para fazer a assinatura e liberar os comentários no site.