TELEVISÃO

TELEVISÃO

SBT vai exibir última edição do Jô Onze e Meia em homenagem ao humorista

SBT vai exibir última edição do Jô Onze e Meia em homenagem ao humorista

Na atração, ele entrevistou três ícones da emissora: Hebe Camargo (1929-2012), Gugu Liberato (1959-2019) e Carlos Alberto de Nóbrega.

Na atração, ele entrevistou três ícones da emissora: Hebe Camargo (1929-2012), Gugu Liberato (1959-2019) e Carlos Alberto de Nóbrega.

Por Mônica Bergamo | 05/08/2022 | Tempo de leitura: 1 min
da Folhapress

Por Mônica Bergamo
da Folhapress

05/08/2022 - Tempo de leitura: 1 min

Reprodução

A reprise da última edição de Jô Soares Onze e Meia vai ao ar a partir da 1h, no lugar do programa The Noite

Em tributo a Jô Soares, morto nesta sexta-feira (5) aos 84 anos, o SBT exibirá na madrugada deste sábado (6) a última edição do programa Jô Soares Onze e Meia, que foi ao ar no dia 30 de dezembro de 1999. Na atração, ele entrevistou três ícones da emissora: Hebe Camargo (1929-2012), Gugu Liberato (1959-2019) e Carlos Alberto de Nóbrega.

Ao final, ele fez agradecimentos ao SBT e a Silvio Santos por ter tido a oportunidade de realizar na emissora o sonho de ter um talk show. Jô Soares comandou o programa de entrevistas de 1988 a 1999. Em 2000, ele voltou para a Globo.

A reprise da última edição de Jô Soares Onze e Meia vai ao ar a partir da 1h, no lugar do programa The Noite. Antes da reprise, Danilo Gentili prestará uma homenagem ao apresentador e humorista.

Jô Soares morreu na madrugada desta sexta-feira, no hospital Sírio Libanês, em São Paulo, aos 84 anos. A causa da morte não foi informada e o funeral, em local não divulgado, será apenas para familiares e amigos.

Jô nasceu no Rio de Janeiro em 1938 e era filho único de uma família rica que perdeu a fortuna. Estudou na Suíça e nos Estados Unidos, falava seis línguas e abandonou o plano de ser diplomata para se dedicar à vida artística. Interpretou dezenas de personagens, criou bordões e apresentou o mais conhecido programa de entrevistas da TV brasileira. Foi ator de teatro, cinema e televisão, além de dramaturgo, roteirista, diretor e escritor.

Em tributo a Jô Soares, morto nesta sexta-feira (5) aos 84 anos, o SBT exibirá na madrugada deste sábado (6) a última edição do programa Jô Soares Onze e Meia, que foi ao ar no dia 30 de dezembro de 1999. Na atração, ele entrevistou três ícones da emissora: Hebe Camargo (1929-2012), Gugu Liberato (1959-2019) e Carlos Alberto de Nóbrega.

Ao final, ele fez agradecimentos ao SBT e a Silvio Santos por ter tido a oportunidade de realizar na emissora o sonho de ter um talk show. Jô Soares comandou o programa de entrevistas de 1988 a 1999. Em 2000, ele voltou para a Globo.

A reprise da última edição de Jô Soares Onze e Meia vai ao ar a partir da 1h, no lugar do programa The Noite. Antes da reprise, Danilo Gentili prestará uma homenagem ao apresentador e humorista.

Jô Soares morreu na madrugada desta sexta-feira, no hospital Sírio Libanês, em São Paulo, aos 84 anos. A causa da morte não foi informada e o funeral, em local não divulgado, será apenas para familiares e amigos.

Jô nasceu no Rio de Janeiro em 1938 e era filho único de uma família rica que perdeu a fortuna. Estudou na Suíça e nos Estados Unidos, falava seis línguas e abandonou o plano de ser diplomata para se dedicar à vida artística. Interpretou dezenas de personagens, criou bordões e apresentou o mais conhecido programa de entrevistas da TV brasileira. Foi ator de teatro, cinema e televisão, além de dramaturgo, roteirista, diretor e escritor.

COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal GCN e se comprometem a respeitar o Código de Conduta On-line do GCN.

Ainda não é assinante?

Clique aqui para fazer a assinatura e liberar os comentários no site.