ACIDENTE

ACIDENTE

Entregador em moto fica em estado grave após bater em caminhão no Centro

Entregador em moto fica em estado grave após bater em caminhão no Centro

Motoqueiro bateu na lateral de caminhão betoneira que realizava uma conversão, foi arremessado para baixo do veículo e arrastado por alguns metros.

Motoqueiro bateu na lateral de caminhão betoneira que realizava uma conversão, foi arremessado para baixo do veículo e arrastado por alguns metros.

Por Kaique Castro | 05/08/2022 | Tempo de leitura: 1 min
da Redação

Por Kaique Castro
da Redação

05/08/2022 - Tempo de leitura: 1 min

Kaique Castro/GCN

Acidente aconteceu na tarde desta sexta-feira, 5

Um entregador em moto, Kleiton Eurípedes Figueiredo, 38 anos, ficou em estado gravíssimo na tarde desta sexta-feira, 5, após bater na lateral de um caminhão betoneira no cruzamento das ruas Batatais com a Couto Magalhães, no Centro de Franca.

Segundo informações do motorista do caminhão, ele seguia na rua Batatais no sentido Estação ao Centro, quando sinalizou para fazer a conversão no Couto Magalhães.

Em seguida, Kleiton, que seguia logo atrás do caminhão, por motivos a serem esclarecidos, bateu na lateral do veículo. Com o impacto, o motoqueiro foi arremessado para baixo do caminhão e foi arrastado por alguns metros.

Um bombeiro que estava em uma clínica médica em frente ao local do acidente realizou os primeiros socorros. O entregador foi levado para a Santa Casa em estado grave pelo Corpo de Bombeiros.

"Dei a seta, e ele já entrou. Dirijo há mais de 30 anos, este foi meu primeiro acidente. Tomara que fique tudo bem com o rapaz", disse o motorista do caminhão, Luiz César da Silva, de 55 anos.

A Polícia Militar compareceu ao local e registrou o acidente. Segundo vizinhos, este foi o segundo acidente na rua Batatais nesta sexta-feira, 5.

Matéria atualizada às 17h28

Um entregador em moto, Kleiton Eurípedes Figueiredo, 38 anos, ficou em estado gravíssimo na tarde desta sexta-feira, 5, após bater na lateral de um caminhão betoneira no cruzamento das ruas Batatais com a Couto Magalhães, no Centro de Franca.

Segundo informações do motorista do caminhão, ele seguia na rua Batatais no sentido Estação ao Centro, quando sinalizou para fazer a conversão no Couto Magalhães.

Em seguida, Kleiton, que seguia logo atrás do caminhão, por motivos a serem esclarecidos, bateu na lateral do veículo. Com o impacto, o motoqueiro foi arremessado para baixo do caminhão e foi arrastado por alguns metros.

Um bombeiro que estava em uma clínica médica em frente ao local do acidente realizou os primeiros socorros. O entregador foi levado para a Santa Casa em estado grave pelo Corpo de Bombeiros.

"Dei a seta, e ele já entrou. Dirijo há mais de 30 anos, este foi meu primeiro acidente. Tomara que fique tudo bem com o rapaz", disse o motorista do caminhão, Luiz César da Silva, de 55 anos.

A Polícia Militar compareceu ao local e registrou o acidente. Segundo vizinhos, este foi o segundo acidente na rua Batatais nesta sexta-feira, 5.

Matéria atualizada às 17h28

6 COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal GCN e se comprometem a respeitar o Código de Conduta On-line do GCN.

Ainda não é assinante?

Clique aqui para fazer a assinatura e liberar os comentários no site.

  • ira
    05/08/2022
    profissao sofrida do entregador, ele tem minutos p*fazer a entrega,arriscando a vida pra levar pra casa o sustento, nao e culpa do motorista do caminhao, e claro ,p´porque o que eles fazem(entregador) pra cumprir horario, e coisa de louco,deixa a gente num transito, caotico, mas eles rtem que trabalhar.que Deus cuide de sua recuperaçao,.
  • danilo
    05/08/2022
    Esse pessoal corre muito. Agem como se nao houvesse o amanha.
  • Zona sul
    05/08/2022
    Tanto motoqueiros qnto motoristas de caminhão são muito imprudentes aqui em Franca! Um acha que é de ferro e o outro acha que está sozinho nas ruas com seu caminhão!
  • MANUEL
    05/08/2022
    NÃO VOU ME IDENTIFICAR, MAS EU TENHO EMPRESA E TODOS OS DIAS ENTRO EM CONTATO COM UMA CENTRAL DE MOTOTAXI PARA ENTREGAR OS PEDIDOS DE MEUS CLIENTES, E SEMPRE FALO AO MOTOQUEIRO QUE VAI FAZER A ENTREGA PARA ELE IR DEVAGAR, E FALO SE O CLIENTE QUER O PRODUTO MAIS CEDO, QUE PEÇA MAIS CEDO,
  • Allan
    06/08/2022
    E triste e muitas veses somos taxados como lokos mas muita gente não pensa que deixamos filhos e esposa em casa para levar a comida o lanche que seja no conforto da casa do cliente e ainda acha uma taxa de dez reais cara quanto será que vale a nossas vidas que etamos no risco o dia todo .... fica a pergunta??????
  • Carlos André de Souza
    5 dias atrás
    Eu quero esse cartão